Quando é a Black Friday? Data em 2022 e como se preparar para o evento

E-commerce

18 de julho de 2022

A Black Friday 2022 será realizada no dia 25 de novembro e promete, mais uma vez, ser uma excelente oportunidade para os lojistas aquecerem suas vendas e para os consumidores encontrarem boas ofertas.

Especialmente no comércio eletrônico, a Black Friday tem se mostrado, ano após ano, uma das datas mais relevantes para todos os segmentos do varejo. Inclusive, o evento não se limita mais à sexta-feira, movimentando promoções durante todo o mês de novembro.

Confira, neste conteúdo, a data da Black Friday, a origem deste evento tão importante para o comércio brasileiro e como se preparar para a edição deste ano!

Quando é a Black Friday?

Em 2022, a Black Friday será no dia 25 de novembro. A data é comemorada sempre na última sexta-feira de novembro.

O evento é realizado no dia seguinte ao Dia de Ação de Graças, feriado tradicionalmente comemorado nos Estados Unidos na quarta quinta-feira do mês.

No entanto, uma tendência que tem se observado nos últimos anos é a Black Friday antecipada, ou Esquenta Black Friday, que consiste na oferta de descontos e promoções nos dias e semanas anteriores à data oficial do evento.

Nesse contexto, surgiram também a Black Week e a Black November, que estendem as promoções ao longo da semana e do mês da Black Friday, respectivamente.

Ainda vale destacar a Cyber Monday, que se originou como uma extensão do evento exclusivamente no varejo online. Voltada principalmente para a venda de eletrônicos, ela é realizada na primeira segunda-feira após a Black Friday.

Qual é a história da Black Friday?

A Black Friday foi criada originalmente nos Estados Unidos, entre as décadas de 1980 e 1990, como uma forma de aproveitar o feriado de Dia de Ação de Graças para movimentar o comércio e alavancar as vendas de final de ano.

A popularidade da data chamou a atenção de outros países, que começaram a realizar sua própria edição do evento. No Brasil, a primeira Black Friday foi realizada em 2010, com foco no varejo online, mas teve pouca adesão dos lojistas.

Ao longo dos anos, porém, a Black Friday foi conquistando os clientes e varejistas brasileiros, sendo que até mesmo lojas físicas passaram a aderir ao movimento.

O crescimento do comércio eletrônico e a consolidação do hábito dos consumidores de comprar online também tiveram um importante papel no sucesso da data.

Como resultado, muitas lojas também aderiram ao movimento de antecipação e expansão da Black Friday, com o surgimento da Black Week e da Black November, como já mencionamos.

Isso se deve principalmente ao comportamento dos consumidores, que estão cada vez mais adeptos às compras online e acompanham atentamente as ofertas ao longo do mês para encontrar os melhores preços e vantagens.

E a Semana do Brasil?

Tomando como inspiração o sucesso da Black Friday no país, o Governo Federal, em parceria com a iniciativa privada, criou a Semana do Brasil. Em 2022, o evento está previsto para acontecer entre os dias 4 e 10 de setembro.

A Semana do Brasil tem como objetivo aquecer o varejo, com a oferta de descontos e promoções na semana do feriado do dia 7 de setembro. Podem se inscrever para participar pequenos, médios e grandes empreendimentos, físicos e digitais, de todos os estados.

A primeira edição foi realizada em 2019 e, em 2020, o evento teve um faturamento de R$ 2,3 bilhões no e-commerce, o que representa um aumento de 25% em relação ao ano anterior, segundo a Ebit | Nielsen.

Vale destacar que a Semana do Brasil é realizada logo antes do Dia do Cliente, outra data tradicional de ofertas no país, que acontece no dia 15 de setembro.

Dessa forma, todo o período pode ser aproveitado pelos lojistas para impulsionar suas vendas, além de testar promoções e já fazer um esquenta para a Black Friday.

Quais são as expectativas para a Black Friday 2022?

Um ponto essencial para se preparar para a Black Friday é entender como foi a última edição do evento.

Em 2021, o e-commerce teve um faturamento recorde de R$ 7,5 bilhões, um crescimento de 7,1% em relação ao ano anterior, segundo relatório da Neotrust.

O mesmo estudo aponta outros insights importantes para a Black Friday 2022:

  • os segmentos com maior número de pedidos em 2021 foram Moda e Acessórios, Beleza e Perfumaria, Eletroportáteis, Telefonia e Eletrodomésticos;
  • o ticket médio foi de R$ 654,06, valor 7,2% maior que o do ano anterior;
  • os pedidos com frete grátis representaram 66% das compras feitas no evento;
  • as mulheres foram maioria nas compras de Black Friday, com uma participação de 56,9% nos pedidos.

Dessa forma, a expectativa para este ano é que o evento continue trazendo excelentes oportunidades para os empreendedores digitais.

Mesmo com o cenário de alta na inflação, é possível utilizar a Black Friday de forma estratégica, incentivando os clientes a aproveitar as promoções para adquirir produtos de necessidade e para antecipar as compras de Natal, por exemplo.

Como se preparar para a Black Friday 2022?

Para os lojistas, a preparação para a Black Friday deve começar meses antes do evento. Afinal, é preciso planejar as estratégias de vendas e garantir o bom funcionamento da operação para a data.

Confira os passos básicos para se preparar para a Black Friday 2022!

Planeje as ações promocionais

As ofertas são a essência da Black Friday! Por isso, o primeiro passo é planejar as ações promocionais que você realizará no evento.

Selecione os produtos que serão promocionados — mercadorias com uma melhor margem de lucro ou itens parados no estoque, por exemplo — e calcule quanto você pode oferecer de desconto sem gerar prejuízo para o negócio.

Também vale analisar o histórico de vendas do e-commerce nas edições passadas para identificar as ofertas que costumam apresentar o melhor desempenho. Existem inúmeras ideias de promoções:

  • cupons de desconto;
  • kits de produtos;
  • frete grátis;
  • brindes e amostras grátis;
  • descontos progressivos;
  • cashback;
  • promoções relâmpago etc.

Monte o estoque de produtos

Com as estratégias de vendas definidas, comece a preparar o estoque de produtos para a Black Friday. Assim, você evita a falta de mercadorias diante da alta das vendas durante o evento.

Uma dica é se antecipar e negociar com os fornecedores meses antes da Black Friday. Assim, você evita atrasos no recebimento dos produtos e ainda pode obter preços mais vantajosos, uma vez que provavelmente vai comprar um número maior de itens.

Crie uma campanha de divulgação

Para garantir a visibilidade das suas ofertas frente à concorrência, é essencial criar uma campanha de Black Friday para divulgar as suas promoções.

Durante o período do evento, os anúncios pagos de Google Ads e Facebook Ads costumam ficar mais caros em função da alta concorrência.

No entanto, mesmo que você não tenha um bom orçamento disponível, ainda pode investir em outras estratégias de marketing, como e-mail marketing, redes sociais, parcerias com influenciadores digitais, live commerce e SEO.

Confira: 8 estratégias de SEO para aumentar sua visibilidade na Black Friday

Verifique a infraestrutura do e-commerce

Você não quer ter problemas de estabilidade e segurança durante a Black Friday, certo? Para proporcionar uma experiência positiva para os consumidores e não perder vendas, é preciso conferir a disponibilidade e a escalabilidade da loja virtual.

Para isso, vale entrar em contato com os seus parceiros, como plataforma de e-commerce, meio de pagamento online e sistema antifraude, para entender como eles estão se preparando para um maior volume de acessos e transações durante o período.

Também vale verificar a responsividade e a usabilidade do site, para garantir a melhor experiência de navegação para o público.

Organize a operação da loja virtual

A operação do e-commerce também precisa estar funcionando com o máximo de eficiência durante a Black Friday. Afinal, os clientes devem receber seus pedidos no prazo de entrega prometido, além de ter um atendimento de qualidade ao longo do processo de compra.

Portanto, organize bem as escalas de trabalho e alinhe a sua equipe sobre a importância da Black Friday, para garantir a eficácia dos processos de expedição, separação e embalagem, assim como prestar um atendimento personalizado no evento.

Agora que você sabe quando é a Black Friday e como se preparar para ter sucesso na edição deste ano, é hora de colocar a mão na massa!

Se você quer vender mais na Black Friday 2022, não deixe de acessar gratuitamente a nossaCalculadora de Preços! Com ela, você poderá precificar os seus produtos e ofertas de forma fácil e estratégica para a Black Friday.


Acesse a calculadora de preços do Pagar.me!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

30, setembro, 2022

Como preparar sua loja virtual para a Black Friday? Checklist

Garantir o sucesso da sua loja virtual na Black Friday exige uma preparação de vários aspectos da operação. Veja nosso checklist para não deixar nada para trás!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

28, setembro, 2022

Sell in e sell out: o que são e quais as diferenças?

Sell in e sell out são importantes processos que compõem a cadeia de suprimentos. Entenda o conceito de cada um e como fazer a melhor gestão deles!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

27, setembro, 2022

Avaliação de produtos: por que e como incentivar no seu e-commerce?

A avaliação de produtos é um recurso que fornece uma prova social para os clientes, incentivando-o a fazer uma compra. Entenda como utilizá-la na sua loja!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

Quando é a Black Friday? Data em 2022 e como se preparar para o evento

E-commerce

18 de julho de 2022

A Black Friday 2022 será realizada no dia 25 de novembro e promete, mais uma vez, ser uma excelente oportunidade para os lojistas aquecerem suas vendas e para os consumidores encontrarem boas ofertas.

Especialmente no comércio eletrônico, a Black Friday tem se mostrado, ano após ano, uma das datas mais relevantes para todos os segmentos do varejo. Inclusive, o evento não se limita mais à sexta-feira, movimentando promoções durante todo o mês de novembro.

Confira, neste conteúdo, a data da Black Friday, a origem deste evento tão importante para o comércio brasileiro e como se preparar para a edição deste ano!

Quando é a Black Friday?

Em 2022, a Black Friday será no dia 25 de novembro. A data é comemorada sempre na última sexta-feira de novembro.

O evento é realizado no dia seguinte ao Dia de Ação de Graças, feriado tradicionalmente comemorado nos Estados Unidos na quarta quinta-feira do mês.

No entanto, uma tendência que tem se observado nos últimos anos é a Black Friday antecipada, ou Esquenta Black Friday, que consiste na oferta de descontos e promoções nos dias e semanas anteriores à data oficial do evento.

Nesse contexto, surgiram também a Black Week e a Black November, que estendem as promoções ao longo da semana e do mês da Black Friday, respectivamente.

Ainda vale destacar a Cyber Monday, que se originou como uma extensão do evento exclusivamente no varejo online. Voltada principalmente para a venda de eletrônicos, ela é realizada na primeira segunda-feira após a Black Friday.

Qual é a história da Black Friday?

A Black Friday foi criada originalmente nos Estados Unidos, entre as décadas de 1980 e 1990, como uma forma de aproveitar o feriado de Dia de Ação de Graças para movimentar o comércio e alavancar as vendas de final de ano.

A popularidade da data chamou a atenção de outros países, que começaram a realizar sua própria edição do evento. No Brasil, a primeira Black Friday foi realizada em 2010, com foco no varejo online, mas teve pouca adesão dos lojistas.

Ao longo dos anos, porém, a Black Friday foi conquistando os clientes e varejistas brasileiros, sendo que até mesmo lojas físicas passaram a aderir ao movimento.

O crescimento do comércio eletrônico e a consolidação do hábito dos consumidores de comprar online também tiveram um importante papel no sucesso da data.

Como resultado, muitas lojas também aderiram ao movimento de antecipação e expansão da Black Friday, com o surgimento da Black Week e da Black November, como já mencionamos.

Isso se deve principalmente ao comportamento dos consumidores, que estão cada vez mais adeptos às compras online e acompanham atentamente as ofertas ao longo do mês para encontrar os melhores preços e vantagens.

E a Semana do Brasil?

Tomando como inspiração o sucesso da Black Friday no país, o Governo Federal, em parceria com a iniciativa privada, criou a Semana do Brasil. Em 2022, o evento está previsto para acontecer entre os dias 4 e 10 de setembro.

A Semana do Brasil tem como objetivo aquecer o varejo, com a oferta de descontos e promoções na semana do feriado do dia 7 de setembro. Podem se inscrever para participar pequenos, médios e grandes empreendimentos, físicos e digitais, de todos os estados.

A primeira edição foi realizada em 2019 e, em 2020, o evento teve um faturamento de R$ 2,3 bilhões no e-commerce, o que representa um aumento de 25% em relação ao ano anterior, segundo a Ebit | Nielsen.

Vale destacar que a Semana do Brasil é realizada logo antes do Dia do Cliente, outra data tradicional de ofertas no país, que acontece no dia 15 de setembro.

Dessa forma, todo o período pode ser aproveitado pelos lojistas para impulsionar suas vendas, além de testar promoções e já fazer um esquenta para a Black Friday.

Quais são as expectativas para a Black Friday 2022?

Um ponto essencial para se preparar para a Black Friday é entender como foi a última edição do evento.

Em 2021, o e-commerce teve um faturamento recorde de R$ 7,5 bilhões, um crescimento de 7,1% em relação ao ano anterior, segundo relatório da Neotrust.

O mesmo estudo aponta outros insights importantes para a Black Friday 2022:

  • os segmentos com maior número de pedidos em 2021 foram Moda e Acessórios, Beleza e Perfumaria, Eletroportáteis, Telefonia e Eletrodomésticos;
  • o ticket médio foi de R$ 654,06, valor 7,2% maior que o do ano anterior;
  • os pedidos com frete grátis representaram 66% das compras feitas no evento;
  • as mulheres foram maioria nas compras de Black Friday, com uma participação de 56,9% nos pedidos.

Dessa forma, a expectativa para este ano é que o evento continue trazendo excelentes oportunidades para os empreendedores digitais.

Mesmo com o cenário de alta na inflação, é possível utilizar a Black Friday de forma estratégica, incentivando os clientes a aproveitar as promoções para adquirir produtos de necessidade e para antecipar as compras de Natal, por exemplo.

Como se preparar para a Black Friday 2022?

Para os lojistas, a preparação para a Black Friday deve começar meses antes do evento. Afinal, é preciso planejar as estratégias de vendas e garantir o bom funcionamento da operação para a data.

Confira os passos básicos para se preparar para a Black Friday 2022!

Planeje as ações promocionais

As ofertas são a essência da Black Friday! Por isso, o primeiro passo é planejar as ações promocionais que você realizará no evento.

Selecione os produtos que serão promocionados — mercadorias com uma melhor margem de lucro ou itens parados no estoque, por exemplo — e calcule quanto você pode oferecer de desconto sem gerar prejuízo para o negócio.

Também vale analisar o histórico de vendas do e-commerce nas edições passadas para identificar as ofertas que costumam apresentar o melhor desempenho. Existem inúmeras ideias de promoções:

  • cupons de desconto;
  • kits de produtos;
  • frete grátis;
  • brindes e amostras grátis;
  • descontos progressivos;
  • cashback;
  • promoções relâmpago etc.

Monte o estoque de produtos

Com as estratégias de vendas definidas, comece a preparar o estoque de produtos para a Black Friday. Assim, você evita a falta de mercadorias diante da alta das vendas durante o evento.

Uma dica é se antecipar e negociar com os fornecedores meses antes da Black Friday. Assim, você evita atrasos no recebimento dos produtos e ainda pode obter preços mais vantajosos, uma vez que provavelmente vai comprar um número maior de itens.

Crie uma campanha de divulgação

Para garantir a visibilidade das suas ofertas frente à concorrência, é essencial criar uma campanha de Black Friday para divulgar as suas promoções.

Durante o período do evento, os anúncios pagos de Google Ads e Facebook Ads costumam ficar mais caros em função da alta concorrência.

No entanto, mesmo que você não tenha um bom orçamento disponível, ainda pode investir em outras estratégias de marketing, como e-mail marketing, redes sociais, parcerias com influenciadores digitais, live commerce e SEO.

Confira: 8 estratégias de SEO para aumentar sua visibilidade na Black Friday

Verifique a infraestrutura do e-commerce

Você não quer ter problemas de estabilidade e segurança durante a Black Friday, certo? Para proporcionar uma experiência positiva para os consumidores e não perder vendas, é preciso conferir a disponibilidade e a escalabilidade da loja virtual.

Para isso, vale entrar em contato com os seus parceiros, como plataforma de e-commerce, meio de pagamento online e sistema antifraude, para entender como eles estão se preparando para um maior volume de acessos e transações durante o período.

Também vale verificar a responsividade e a usabilidade do site, para garantir a melhor experiência de navegação para o público.

Organize a operação da loja virtual

A operação do e-commerce também precisa estar funcionando com o máximo de eficiência durante a Black Friday. Afinal, os clientes devem receber seus pedidos no prazo de entrega prometido, além de ter um atendimento de qualidade ao longo do processo de compra.

Portanto, organize bem as escalas de trabalho e alinhe a sua equipe sobre a importância da Black Friday, para garantir a eficácia dos processos de expedição, separação e embalagem, assim como prestar um atendimento personalizado no evento.

Agora que você sabe quando é a Black Friday e como se preparar para ter sucesso na edição deste ano, é hora de colocar a mão na massa!

Se você quer vender mais na Black Friday 2022, não deixe de acessar gratuitamente a nossaCalculadora de Preços! Com ela, você poderá precificar os seus produtos e ofertas de forma fácil e estratégica para a Black Friday.


Acesse a calculadora de preços do Pagar.me!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

30, setembro, 2022

Como preparar sua loja virtual para a Black Friday? Checklist

Garantir o sucesso da sua loja virtual na Black Friday exige uma preparação de vários aspectos da operação. Veja nosso checklist para não deixar nada para trás!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

28, setembro, 2022

Sell in e sell out: o que são e quais as diferenças?

Sell in e sell out são importantes processos que compõem a cadeia de suprimentos. Entenda o conceito de cada um e como fazer a melhor gestão deles!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

27, setembro, 2022

Avaliação de produtos: por que e como incentivar no seu e-commerce?

A avaliação de produtos é um recurso que fornece uma prova social para os clientes, incentivando-o a fazer uma compra. Entenda como utilizá-la na sua loja!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo