O que vender na internet? Confira 10 ideias para 2022

E-commerce

14 de janeiro de 2022

Vender online se torna, cada vez mais, um mercado extremamente promissor para quem deseja começar a empreender ou expandir seus negócios.

De acordo com a pesquisa Market Review, realizada pela Bornlogic e o Opinion Box, a frequência de compras online aumentou 71% em 2021. Além disso, 49% dos consumidores pretendem comprar ainda mais pela internet em 2022.

E, se você tem medo de não conseguir competir com as grandes marcas já consolidadas, saiba que, no último ano, 41% das pessoas passaram a comprar online de pequenos e médios negócios — o dado é do estudo Consumer Trends 2022 do Opinion Box.

Ainda não sabe o que vender na internet? Reunimos os principais dados e tendências do mercado para apresentar as categorias de produtos em alta que você pode investir no seu e-commerce em 2022. Vamos logo ao conteúdo?

O que os consumidores costumam comprar online?

O estudo da Bornlogic perguntou aos entrevistados quais segmentos de produtos eles costumam comprar na internet. A partir dos resultados, foram elencadas as seguintes categorias mais populares:

  1. Eletrônicos (59%)
  2. Telefonia/Celulares (57%)
  3. Eletrodomésticos (56%)
  4. Moda e acessórios (55%)
  5. Cosméticos, higiene e beleza (51%)
  6. Informática (44%)
  7. Casa e decoração (38%)
  8. Livros e impressos (38%)
  9. Alimentos e bebidas (38%)
  10. Viagens e hospedagem (36%)

O que vender na internet?

Levando em conta as categorias mais adquiridas na internet e também as tendências de consumo para o próximo ano, separamos os principais segmentos de produtos para você investir em 2022. Confira!

1. Moda e Acessórios

Essa é uma categoria bastante tradicional do varejo, que também conquistou os consumidores do e-commerce.

Atualmente, existem diversos nichos de mercado dentro do setor de moda online, como roupas femininas plus size e calçados de materiais veganos, que atendem a públicos e necessidades específicas.

Vale destacar que grande parte desse sucesso se deve à capacidade das lojas virtuais de transpor as objeções dos clientes em comprar roupas e acessórios sem experimentá-los presencialmente.

Páginas completas de produtos, ferramentas como o provador virtual e políticas claras de trocas e devoluções certamente contribuíram para isso.

2. Eletrônicos e Informática

Os brasileiros estão cada vez mais conectados, e os eletrônicos, como computadores, tablets e smartphones, são parte essencial desse movimento de digitalização.

Nesse segmento, assim como no de Moda e Acessórios, uma tendência de destaque é o recommerce, ou seja, a revenda de produtos usados pela internet, contribuindo para um consumo mais acessível e sustentável.

3. Eletrodomésticos e Eletroportáteis

A necessidade de isolamento social, imposta com o cenário de pandemia que se iniciou em 2020, levou muitos clientes a comprarem produtos voltados para facilitar as suas tarefas domésticas, melhor equipando seus lares.

Segundo o levantamento do Opinion Box, 72% dos consumidores têm objetos de tecnologia que facilitam suas vidas em casa. E, dentre esses produtos, o mais popular é a SmartTV, presente na casa de 64% dos entrevistados.

4. Beleza e Perfumaria

A busca por autocuidado se tornou uma característica marcante dos comportamentos de consumo dos brasileiros.

65% dos entrevistados pelo Opinion Box afirmam que se sentem bem consigo mesmos quando fazem uma rotina de beleza. Além disso, 56% pretendem adotar uma rotina de skincare, ou seja, cuidados com a pele, em 2022.

Esses números mostram a relevância do setor de Beleza e Perfumaria para a manutenção dos hábitos diários dos consumidores neste ano.

5. Móveis e Decoração

Mais uma vez, o cenário de distanciamento social levou muitas pessoas a procurar aprimorar o ambiente de suas casas. Nesse contexto, outra categoria de produtos que se destacou foi o de Móveis e Decoração.

Uma grande tendência dentro desse segmento é a de kits e projetos DIY (do it yourself ou faça você mesmo) para o consumidor colocar a mão na massa na hora de organizar e decorar o lar.

6. Lazer e Entretenimento

Em busca de proporcionar diversão dentro de casa, os consumidores também têm adquirido mais produtos de lazer e entretenimento, como livros, games e itens de papelaria.

As vendas online de livros, em especial, registraram um aumento de 97,25% no primeiro trimestre de 2021 em comparação com o ano anterior, de acordo com um relatório da Neotrust.

7. Infoprodutos

Já pensou em transformar os seus conhecimentos sobre um determinado assunto em um produto digital? Esses são os chamados infoprodutos, que podem assumir diferentes formatos, como e-books, cursos online e webinars.

Trata-se de um mercado em expansão, com a consolidação de diversas plataformas especializadas na venda desses produtos.

8. Clubes de assinatura

Dados da Betalabs apontam um crescimento de 32% no mercado de clubes de assinatura brasileiros no primeiro trimestre de 2021, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Esses clubes, que funcionam por meio de um pagamento recorrente para a entrega de um produto ou serviço, têm conquistado os consumidores com a promessa de uma curadoria personalizada e exclusiva de produtos.

Atualmente, existem clubes de assinatura de produtos para pets, livros, cosméticos, vinhos, itens de papelaria… Ou seja, você pode adaptar esse modelo para diferentes segmentos do mercado.

9. Alimentos saudáveis

Como já mencionamos, o autocuidado se tornou uma importante preocupação dos consumidores. Mas, além de uma rotina de beleza, isso também inclui uma alimentação saudável: 80% acreditam que comer é um ato de saúde, segundo o estudo do Opinion Box.

Dessa forma, vender comidas e bebidas fitness tem se tornado uma grande tendência, ainda mais com a possibilidade de aceitar pagamentos via voucher online, ou seja, por meio dos cartões de vale-refeição e vale-alimentação.

10. Artigos esportivos e fitness

A preocupação com a saúde também se reflete no setor de esportes e atividades fitness. De acordo com o Opinion Box, 44% dos consumidores pretendem praticar exercícios físicos regularmente em 2022.

Portanto, essa pode ser outra categoria de produtos relevante para investir no próximo ano, ajudando os consumidores em sua jornada saudável.

Como vender na internet com eficiência?

Para finalizar nosso conteúdo com chave de ouro, uma dica muito relevante para você fazer lançamentos de produtos em alta é acompanhar as tendências do mercado por meio de ferramentas como o Google Trends.

Ao entender as demandas dos consumidores e as novidades do mundo do e-commerce, você poderá montar um mix de produtos de valor para o seu público e, assim, garantir as suas vendas.

Lembrando que, além de definir o que vender na internet, é preciso preparar o seu e-commerce para proporcionar uma boa experiência de compra para os seus clientes. Alguns passos essenciais são:

  • ter um site rápido, intuitivo e responsivo;
  • contar com um meio de pagamento seguro e eficiente;
  • oferecer uma operação logística de qualidade;
  • prestar um atendimento ao cliente personalizado.

Se você quer saber como escolher a melhor tecnologia de pagamentos para o seu negócio vender com segurança e eficiência, não deixe de baixar nosso e-book gratuito: Meios de pagamento para o e-commerce!


Baixe o e-book Meios de pagamento para e-commerce!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

24, junho, 2022

Tarifa do Pix: entenda quando a taxa pode ser cobrada

Há alguns casos em que é cobrada uma tarifa do Pix para a realização das transações. Entenda quando essa taxa pode ser aplicada!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

22, junho, 2022

O que é sortimento de produtos e como definir o ideal?

Quer saber o que é sortimento e como montar a seleção ideal de produtos para as categorias da sua loja? Leia nosso conteúdo completo!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

21, junho, 2022

Conheça os 7 principais impostos sobre vendas

Entenda quais são os principais impostos sobre vendas que podem incidir sobre o seu negócio, para se manter em dia com a legislação.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

O que vender na internet? Confira 10 ideias para 2022

E-commerce

14 de janeiro de 2022

Vender online se torna, cada vez mais, um mercado extremamente promissor para quem deseja começar a empreender ou expandir seus negócios.

De acordo com a pesquisa Market Review, realizada pela Bornlogic e o Opinion Box, a frequência de compras online aumentou 71% em 2021. Além disso, 49% dos consumidores pretendem comprar ainda mais pela internet em 2022.

E, se você tem medo de não conseguir competir com as grandes marcas já consolidadas, saiba que, no último ano, 41% das pessoas passaram a comprar online de pequenos e médios negócios — o dado é do estudo Consumer Trends 2022 do Opinion Box.

Ainda não sabe o que vender na internet? Reunimos os principais dados e tendências do mercado para apresentar as categorias de produtos em alta que você pode investir no seu e-commerce em 2022. Vamos logo ao conteúdo?

O que os consumidores costumam comprar online?

O estudo da Bornlogic perguntou aos entrevistados quais segmentos de produtos eles costumam comprar na internet. A partir dos resultados, foram elencadas as seguintes categorias mais populares:

  1. Eletrônicos (59%)
  2. Telefonia/Celulares (57%)
  3. Eletrodomésticos (56%)
  4. Moda e acessórios (55%)
  5. Cosméticos, higiene e beleza (51%)
  6. Informática (44%)
  7. Casa e decoração (38%)
  8. Livros e impressos (38%)
  9. Alimentos e bebidas (38%)
  10. Viagens e hospedagem (36%)

O que vender na internet?

Levando em conta as categorias mais adquiridas na internet e também as tendências de consumo para o próximo ano, separamos os principais segmentos de produtos para você investir em 2022. Confira!

1. Moda e Acessórios

Essa é uma categoria bastante tradicional do varejo, que também conquistou os consumidores do e-commerce.

Atualmente, existem diversos nichos de mercado dentro do setor de moda online, como roupas femininas plus size e calçados de materiais veganos, que atendem a públicos e necessidades específicas.

Vale destacar que grande parte desse sucesso se deve à capacidade das lojas virtuais de transpor as objeções dos clientes em comprar roupas e acessórios sem experimentá-los presencialmente.

Páginas completas de produtos, ferramentas como o provador virtual e políticas claras de trocas e devoluções certamente contribuíram para isso.

2. Eletrônicos e Informática

Os brasileiros estão cada vez mais conectados, e os eletrônicos, como computadores, tablets e smartphones, são parte essencial desse movimento de digitalização.

Nesse segmento, assim como no de Moda e Acessórios, uma tendência de destaque é o recommerce, ou seja, a revenda de produtos usados pela internet, contribuindo para um consumo mais acessível e sustentável.

3. Eletrodomésticos e Eletroportáteis

A necessidade de isolamento social, imposta com o cenário de pandemia que se iniciou em 2020, levou muitos clientes a comprarem produtos voltados para facilitar as suas tarefas domésticas, melhor equipando seus lares.

Segundo o levantamento do Opinion Box, 72% dos consumidores têm objetos de tecnologia que facilitam suas vidas em casa. E, dentre esses produtos, o mais popular é a SmartTV, presente na casa de 64% dos entrevistados.

4. Beleza e Perfumaria

A busca por autocuidado se tornou uma característica marcante dos comportamentos de consumo dos brasileiros.

65% dos entrevistados pelo Opinion Box afirmam que se sentem bem consigo mesmos quando fazem uma rotina de beleza. Além disso, 56% pretendem adotar uma rotina de skincare, ou seja, cuidados com a pele, em 2022.

Esses números mostram a relevância do setor de Beleza e Perfumaria para a manutenção dos hábitos diários dos consumidores neste ano.

5. Móveis e Decoração

Mais uma vez, o cenário de distanciamento social levou muitas pessoas a procurar aprimorar o ambiente de suas casas. Nesse contexto, outra categoria de produtos que se destacou foi o de Móveis e Decoração.

Uma grande tendência dentro desse segmento é a de kits e projetos DIY (do it yourself ou faça você mesmo) para o consumidor colocar a mão na massa na hora de organizar e decorar o lar.

6. Lazer e Entretenimento

Em busca de proporcionar diversão dentro de casa, os consumidores também têm adquirido mais produtos de lazer e entretenimento, como livros, games e itens de papelaria.

As vendas online de livros, em especial, registraram um aumento de 97,25% no primeiro trimestre de 2021 em comparação com o ano anterior, de acordo com um relatório da Neotrust.

7. Infoprodutos

Já pensou em transformar os seus conhecimentos sobre um determinado assunto em um produto digital? Esses são os chamados infoprodutos, que podem assumir diferentes formatos, como e-books, cursos online e webinars.

Trata-se de um mercado em expansão, com a consolidação de diversas plataformas especializadas na venda desses produtos.

8. Clubes de assinatura

Dados da Betalabs apontam um crescimento de 32% no mercado de clubes de assinatura brasileiros no primeiro trimestre de 2021, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Esses clubes, que funcionam por meio de um pagamento recorrente para a entrega de um produto ou serviço, têm conquistado os consumidores com a promessa de uma curadoria personalizada e exclusiva de produtos.

Atualmente, existem clubes de assinatura de produtos para pets, livros, cosméticos, vinhos, itens de papelaria… Ou seja, você pode adaptar esse modelo para diferentes segmentos do mercado.

9. Alimentos saudáveis

Como já mencionamos, o autocuidado se tornou uma importante preocupação dos consumidores. Mas, além de uma rotina de beleza, isso também inclui uma alimentação saudável: 80% acreditam que comer é um ato de saúde, segundo o estudo do Opinion Box.

Dessa forma, vender comidas e bebidas fitness tem se tornado uma grande tendência, ainda mais com a possibilidade de aceitar pagamentos via voucher online, ou seja, por meio dos cartões de vale-refeição e vale-alimentação.

10. Artigos esportivos e fitness

A preocupação com a saúde também se reflete no setor de esportes e atividades fitness. De acordo com o Opinion Box, 44% dos consumidores pretendem praticar exercícios físicos regularmente em 2022.

Portanto, essa pode ser outra categoria de produtos relevante para investir no próximo ano, ajudando os consumidores em sua jornada saudável.

Como vender na internet com eficiência?

Para finalizar nosso conteúdo com chave de ouro, uma dica muito relevante para você fazer lançamentos de produtos em alta é acompanhar as tendências do mercado por meio de ferramentas como o Google Trends.

Ao entender as demandas dos consumidores e as novidades do mundo do e-commerce, você poderá montar um mix de produtos de valor para o seu público e, assim, garantir as suas vendas.

Lembrando que, além de definir o que vender na internet, é preciso preparar o seu e-commerce para proporcionar uma boa experiência de compra para os seus clientes. Alguns passos essenciais são:

  • ter um site rápido, intuitivo e responsivo;
  • contar com um meio de pagamento seguro e eficiente;
  • oferecer uma operação logística de qualidade;
  • prestar um atendimento ao cliente personalizado.

Se você quer saber como escolher a melhor tecnologia de pagamentos para o seu negócio vender com segurança e eficiência, não deixe de baixar nosso e-book gratuito: Meios de pagamento para o e-commerce!


Baixe o e-book Meios de pagamento para e-commerce!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

24, junho, 2022

Tarifa do Pix: entenda quando a taxa pode ser cobrada

Há alguns casos em que é cobrada uma tarifa do Pix para a realização das transações. Entenda quando essa taxa pode ser aplicada!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

22, junho, 2022

O que é sortimento de produtos e como definir o ideal?

Quer saber o que é sortimento e como montar a seleção ideal de produtos para as categorias da sua loja? Leia nosso conteúdo completo!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

21, junho, 2022

Conheça os 7 principais impostos sobre vendas

Entenda quais são os principais impostos sobre vendas que podem incidir sobre o seu negócio, para se manter em dia com a legislação.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo