Consumo no Brasil: conheça as principais tendências e comportamentos do consumidor

E-commerce

26 de julho de 2021

Uma estratégia eficiente de vendas está atrelada ao profundo conhecimento do público-consumidor. Mas, muito além de saber qual é o melhor tipo de embalagem ou cores de produtos com maior saída, esse entendimento se estende ao contexto socioeconômico do país.

E, em tempos de pandemia, o que podemos dizer é que ele está mudando (e muito!). Portanto, entender essas transformações é fundamental para os empreendedores que desejam obter sucesso no mercado.

Em 2020, a pandemia do coronavírus levou os clientes a desenvolverem novos hábitos de consumo, buscando cada vez mais comodidade em suas compras.

Os negócios que souberam se adaptar a essa demanda foram os que conseguiram não só sobreviver, mas também alavancar seu faturamento nesse cenário.

Quais são as principais tendências e comportamentos do consumidor brasileiro? Como é o panorama do consumo no Brasil atualmente? É isso que vamos apresentar neste conteúdo. Confira!

Consumo digital

As medidas de isolamento social e o fechamento das lojas físicas durante a pandemia foram responsáveis pelo crescimento do consumo digital no Brasil.

Segundo levantamento da Ebit | Nielsen, o varejo online ganhou 13 milhões de novos clientes em 2020. Ao todo, foram 79,7 milhões de pessoas que fizeram compras no e-commerce, um aumento de 29% em relação ao ano anterior.

Foram realizados 193,6 milhões de pedidos nesse período, com um ticket médio de R$ 452. Esses valores levaram o comércio eletrônico brasileiro a um novo patamar, alcançando um faturamento histórico de R$ 81 bilhões no ano.

E a alta do consumo digital não parece que vai estagnar. O primeiro trimestre de 2021 registrou um crescimento de 57,4% nas compras online em comparação com o mesmo período do ano anterior — os dados são da Neotrust/Compre&Confie.

Portanto, se você quer alcançar os consumidores onde eles estão, é crucial estar presente em um canal de vendas online e desenvolver estratégias de marketing digital.


Baixe o Guia definitivo de como montar um e-commerce!

Formas de pagamento online

A expansão do consumo digital também impulsionou o uso das formas de pagamento online.

O parcelamento sem juros, em especial, é um grande atrativo para os clientes. Em 2021, houve um aumento de 12,3% no uso do cartão parcelado sem juros para compras não presenciais, segundo a Abecs.

Um estudo da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) aponta que o cartão de crédito parcelado é a forma de pagamento mais utilizada pelos consumidores para compras online, com 48% de adesão no computador e 41% no mobile.

O segundo método preferido é o cartão de crédito à vista (24% de adesão no desktop e 21% em dispositivos móveis), seguido pelo boleto bancário (17% no computador e 15% no mobile).

Também vale destacar a relevância do Pix, modalidade de pagamento instantâneo lançada pelo Banco Central em novembro de 2020. De acordo com uma pesquisa do Reclame Aqui, 64,7% dos consumidores usam o Pix, muito em função de sua facilidade e rapidez.

Varejo omnichannel

Os consumidores buscam cada vez mais conveniência em suas compras. Para os lojistas, isso significa unir diferentes canais de vendas e comunicação, do mundo físico e virtual, para facilitar a jornada do cliente.

Segundo a Social Miner, 49% dos usuários pretendem mesclar compras físicas e digitais em 2021, sendo que 52% têm a intenção de fazer um pedido online para retirar na loja física — forma de entrega conhecida como Click & Collect.

Uma importante tendência, nesse sentido, é o varejo omnichannel, que tem como premissa disponibilizar múltiplos canais para o cliente e, mais do que isso, garantir que eles funcionem de maneira integrada.

Dessa forma, o usuário tem uma experiência fluida e coerente em todas as interações com a marca, podendo contar com modalidades de entrega facilitadas e também receber o mesmo padrão de atendimento independentemente do canal de contato utilizado.

Uso de dispositivos móveis

Outro movimento marcante do consumo no Brasil é a expansão da comercialização de produtos e serviços por meio de dispositivos móveis, chamado de m-commerce ou mobile commerce.

Segundo pesquisa da Ebit | Nielsen, 55,1% dos pedidos online realizados em 2020 foram feitos via smartphones ou tablets. Esse dado comprova a adesão dos clientes ao mobile, em função da praticidade e da agilidade desse tipo de dispositivo.

Afinal, o m-commerce permite que o usuário faça seu pedido com poucos cliques, a qualquer momento e lugar, diretamente do seu celular.

A compra pode ser feita por meio do acesso às lojas virtuais nos navegadores dos aparelhos, pelas redes sociais das empresas ou por aplicativos próprios das marcas — não sendo preciso estar na frente de um computador para isso.

Experiência diferenciada

75% das pessoas gastariam mais em uma empresa que oferece uma experiência positiva, enquanto 50% mudariam para um concorrente após uma experiência ruim. Essa foi a constatação do relatório Customer Experience Trends 2020.

Podemos ver, assim, a importância de proporcionar uma boa experiência ao cliente para se destacar no mercado e conquistar os consumidores.

Para isso, é essencial contar com um serviço de atendimento humanizado, que demonstre a preocupação da empresa com o usuário e seja baseado em bastante empatia e eficiência para a solução dos problemas e dúvidas do usuário.

Também se torna cada vez mais importante oferecer uma experiência de compra personalizada para o cliente, fazendo campanhas e comunicações específicas para cada perfil de comprador.

Ao receber sugestões de produtos e promoções alinhadas às suas necessidades e interesses, os consumidores veem muito mais valor na marca e têm mais chances de fazerem novas compras.

Sustentabilidade

Atendimento humanizado, processo de compra conveniente, produtos de alta qualidade… Além de todos esses fatores, os consumidores também estão considerando um importante critério para a sua decisão de compra: a sustentabilidade.

Uma pesquisa da Toluna revelou que a preocupação com o meio ambiente já motivou 75% dos brasileiros a transformarem seus hábitos de consumo. Isso significa que os clientes estão valorizando cada vez mais o comprometimento das empresas com as questões sustentáveis.

Para atender a essa demanda, os negócios precisam reconhecer sua responsabilidade ecológica e social, usar os seus recursos de forma consciente e implementar práticas que reduzam o impacto de suas atividades no meio ambiente.

No caso de um e-commerce, por exemplo, podem ser aplicadas medidas como uso de embalagens sustentáveis, otimização das rotas logísticas e redução dos casos de trocas e devoluções.

E aí, ficou por dentro das tendências do consumo no Brasil? Acompanhar os comportamentos e as preferências dos consumidores é um passo indispensável para atender às necessidades do público e alavancar os resultados do seu empreendimento.

Para continuar tendo acesso aos melhores conteúdos e estratégias para o seu negócio digital, é só se inscrever na nossa newsletter!


Inscreva-se na newsletter do Pagar.me!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

23, setembro, 2021

Como fazer um lançamento de loja virtual de sucesso?

Descubra o passo a passo para fazer um lançamento de loja virtual bem-sucedido e começar o seu e-commerce com o pé direito!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

22, setembro, 2021

Formas de pagamento para Black Friday: quais são as melhores para oferecer?

Conheça as formas de pagamento mais estratégicas para oferecer na Black Friday e aumentar as conversões do seu e-commerce na ocasião.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

20, setembro, 2021

Gestão financeira: o que é e quais são as melhores práticas?

Entenda o que é gestão financeira e conheça as melhores práticas para garantir a saúde financeira e o crescimento sustentável da sua empresa.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo