Pagamento por boleto: como funciona e como usar essa forma de cobrança?

E-commerce

10 de junho de 2021

O boleto bancário é uma das formas de pagamento mais simples e acessíveis no mercado, podendo ser utilizado por qualquer pessoa, mesmo aquelas que não têm uma conta bancária.

Um relatório do Opinion Box aponta que 59% dos brasileiros fazem uso do boleto, sendo que esse é o método de pagamento preferido de 15% dos consumidores para fazer compras online — é o segundo mais utilizado, após o cartão de crédito.

Logo, se você quer proporcionar uma experiência de compra mais completa para os clientes da sua loja online, contribuindo para o aumento das suas conversões, é essencial oferecer essa opção de pagamento.

Neste conteúdo, você vai conferir tudo o que precisa saber sobre o pagamento por boleto. Acompanhe!

O que é boleto bancário?

O boleto bancário é uma forma de pagamento oficial, regulamentada pelo Banco Central do Brasil. Na prática, nada mais é do que um título de cobrança que contém informações como:

  • dados do cedente (pessoa ou empresa responsável pela emissão da cobrança);
  • dados do sacado (pessoa ou empresa responsável pelo pagamento da cobrança);
  • valor da cobrança;
  • data de vencimento;
  • orientações sobre possíveis juros e multas no caso de pagamento após o prazo de vencimento;
  • código de barras, que permite que os leitores ópticos façam a captação automática dos dados do documento.

Como funciona o pagamento por boleto?

Para receber um pagamento por boleto, é preciso fazer a emissão do documento e enviá-lo para o sacado — geralmente, isso é feito por meio de um arquivo PDF ou uma URL que pode ser aberta no navegador do usuário.

Para quem vende online, é possível gerar boletos de duas formas: contratando o serviço de emissão de títulos de uma instituição bancária ou contando com uma solução de pagamentos digitais, como o Pagar.me.

O sacado pode pagar o valor indicado em estabelecimentos físicos conveniados, como agências bancárias, casas lotéricas e postos dos Correios, ou de forma online, por meio de sites e aplicativos de internet banking.

Se o pagamento for feito após o vencimento do boleto, podem ser aplicados juros e multas sobre o valor da cobrança, conforme as especificações do documento.

Quando o banco recebe o pagamento do comprador, ele repassa o valor para a conta do cedente, descontando a taxa cobrada pelo seu serviço, no prazo definido previamente, que geralmente é de até três dias úteis.

Quando é utilizada uma solução de pagamentos para a emissão de boletos, é ela que aparece como cedente no título, e não a sua empresa. Além disso, ela é a responsável por fazer a intermediação com o banco, recebendo a liquidação do valor pago e, então, repassando-o para o lojista.

Obrigatoriedade do boleto registrado

Antigamente, existia a possibilidade de emitir boletos sem registro, também conhecidos como boletos simples, que não repassavam informações importantes, como os dados do comprador, a data de vencimento e o valor da cobrança, para o banco.

Esse tipo de boleto trazia vantagens, como a flexibilidade de alteração de informações do boleto e menores taxas. Contudo, ele também exigia um controle eficiente dos recebimentos por parte da empresa e favorecia a ocorrência de fraudes e golpes.

Por isso, em 2018, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) instituiu a obrigatoriedade dos boletos registrados, por meio do uso da Nova Plataforma de Cobrança para a emissão dos títulos.

Isso significa que, desde então, os boletos devem conter os dados do cedente e do sacado (nome completo, CPF/CNPJ e endereço), o valor do pagamento e a data de vencimento, para a conferência e o controle das informações.

Quais são as vantagens e desvantagens do boleto?

Apesar do cartão de crédito ser o método mais utilizado para compras online, é fundamental que um e-commerce diversifique as suas formas de pagamento aceitas, para atender o máximo de consumidores possível.

O boleto é acessível a qualquer pessoa, atendendo o público de 45 milhões de brasileiros desbancarizados, ou seja, que não possuem uma conta bancária — os dados são do Instituto Locomotiva.

Dessa forma, aceitar pagamentos por boleto ajuda a aumentar as suas chances de conversão, uma vez que até mesmo quem não tem uma conta em banco ou limite suficiente no cartão de crédito pode comprar com você.

Por outro lado, o pagamento por boleto demora um tempo maior para ser confirmado pelo banco, quando comparado com o cartão de crédito, por exemplo. Com isso, prolonga-se o tempo de espera para o envio do pedido para o comprador.

Além disso, há a possibilidade do consumidor não fazer o pagamento do boleto, seja porque desistiu da compra ou porque se esqueceu e deixou a data de vencimento passar — o que pode acabar travando o estoque do lojista.

Como vender no boleto bancário com o Pagar.me?

O Pagar.me é o Provedor de Serviços de Pagamento (PSP) pioneiro do Brasil, permitindo que, com uma única integração, o seu negócio comece a receber pagamentos online, via cartão de crédito e boleto bancário.

Isso significa que você não precisa contratar diretamente um banco para emitir boletos. É possível contar com os principais serviços para vender online, com segurança e praticidade, em uma só solução.

Todos os boletos emitidos pelo Pagar.me são registrados, sendo que o lojista pode optar por receber o pagamento do boleto em atraso e com juros ou bloquear o pagamento após a data de vencimento.

Cada modalidade atende melhor um tipo de negócio: para quem não pode ficar com o estoque parado por muito tempo, a segunda forma é mais indicada, enquanto, para uma plataforma de serviços por assinatura, por exemplo, a aceitação de pagamentos com atraso pode ter mais fit.

Após o pagamento do boleto pelo comprador, o banco tem o prazo de um dia útil para fazer a conciliação e, então, o Pagar.me tem mais um dia útil para creditar o valor para o lojista.

Na Dashboard do Pagar.me, ainda é possível acompanhar o status de todos os boletos gerados. Assim, se você verificar que alguma transação está aguardando o pagamento, é possível enviar o documento ao cliente por e-mail, lembrando-o dessa pendência.

Como você pode ver, o pagamento por boleto é uma forma de cobrança muito relevante para quem vende online, ajudando a diversificar os métodos de pagamento aceitos pelo seu negócio e, assim, a aumentar as suas conversões.

Se você quer vender por boleto bancário e cartão de crédito de forma eficiente e segura, conte com o Pagar.me. Cadastre-se na nossa plataforma ou, se tiver alguma dúvida, entre em contato com a gente!


Cadastre-se no Pagar.me!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

18, junho, 2021

Como usar recursos visuais para aumentar as vendas no seu e-commerce

Quer cativar os clientes da sua loja virtual? Descubra neste artigo como usar recursos visuais para isso, melhorando a apresentação dos seus produtos!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

17, junho, 2021

Layout de loja virtual: 9 dicas para otimizar o seu site

Confira as melhores práticas para otimizar um layout de loja virtual, facilitando a navegação do usuário e aumentando as conversões.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

16, junho, 2021

Estoque parado: como evitar e resolver esse problema?

O estoque parado é um problema que pode impactar a saúde financeira e o crescimento de um comércio. Descubra o que fazer para evitar e solucionar essa situação!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo