8 estratégias de SEO para aumentar sua visibilidade na Black Friday

E-commerce

7 de outubro de 2021

Fazer o seu negócio se destacar na Black Friday não é uma tarefa fácil. Com a crescente popularidade da data, a competição por visibilidade tem se tornado cada vez mais acirrada durante essa época — ainda mais no varejo digital.

Além disso, também é preciso considerar que os consumidores costumam se preparar com antecedência para a Black Friday, fazendo pesquisas extensas sobre preços e produtos antes do evento.

Dessa forma, por mais que seja importante investir em anúncios pagos durante o período, também é essencial aplicar estratégias de SEO para a Black Friday.

Assim, as páginas do seu e-commerce têm mais chances de aparecer nos primeiros resultados das buscas feitas pelos usuários no Google.

Quer saber como fazer isso na prática? Continue conosco que vamos apresentar as principais otimizações que você pode fazer no seu e-commerce para se destacar na Black Friday!

Qual é a relevância do SEO para a Black Friday?

Segundo uma pesquisa do UOL, 92% dos consumidores pesquisam os preços dos produtos na internet antes da Black Friday, sendo que 57% fazem suas buscas com dois ou mais meses de antecedência.

Considerando que o Google é o principal canal onde os usuários fazem suas pesquisas online, o SEO (Search Engine Optimization) é uma estratégia muito importante para aumentar a visibilidade do seu e-commerce durante o evento.

Afinal, trata-se de um conjunto de práticas com o objetivo de otimizar as páginas de um site para melhorar o seu ranqueamento orgânico nos resultados de ferramentas de buscas.

Dessa maneira, realizar otimizações de SEO é fundamental para que os clientes encontrem a sua loja virtual nos primeiros resultados das suas pesquisas online na Black Friday.

Além disso, uma boa estratégia de SEO ainda pode trazer vantagens, como:

8 estratégias de SEO para a Black Friday

Antes de tudo, é importante destacar que o SEO é uma estratégia a longo prazo. Isso significa que é preciso seguir as boas práticas de ranqueamento nos mecanismos de busca ao longo de todo o ano, para obter os melhores resultados.

Para a Black Friday, também é recomendado se planejar com antecedência para posicionar os produtos e conteúdos mais importantes para o seu negócio a tempo do evento. Por isso, se você ainda não iniciou esse trabalho, comece o mais rápido possível!

Para te ajudar nisso, listamos a seguir 8 estratégias de SEO para a Black Friday. Confira!

1. Defina palavras-chave estratégicas relacionadas à Black Friday

Com a aproximação da Black Friday, os usuários começam a fazer pesquisas de termos relacionados ao evento.

Sendo assim, é essencial definir as palavras-chave mais estratégicas para guiar a otimização das páginas e conteúdos do seu e-commerce. Ferramentas como Google Keyword Planner e Ubersuggest são grandes aliadas para isso.

Apesar de ser tentador trabalhar as palavras-chave de maior volume, como “Black Friday 2021” e “promoções Black Friday”, lembre-se de que esses termos são abrangentes e extremamente concorridos.

Uma boa estratégia, nesse sentido, é se concentrar em palavras-chave long tail, que são mais longas e específicas, como “televisão 50 polegadas black friday” ou “black friday tênis nike air force”.

Além de terem mais chances de ranqueamento, esses termos têm um maior potencial de conversão, uma vez que geralmente são utilizados por usuários que já estão mais decididos a comprar o produto buscado.

2. Atualize as suas páginas de produtos

Com as palavras-chave de Black Friday definidas, é hora de inseri-las em locais estratégicos nas suas páginas de produtos, como:

  • título e intertítulos;
  • descrição do produto;
  • meta título (título da página no buscador);
  • meta descrição (descrição da página no buscador).

Aproveite também para otimizar e complementar as suas páginas de produtos, com descrições detalhadas, imagens de qualidade e recursos para avaliação dos itens pelos clientes.

Priorize a atualização de páginas de produtos que geralmente têm uma maior demanda no período da Black Friday ou que terão as melhores ofertas durante o evento.

Além disso, após fazer a atualização, solicite a reindexação das páginas no Google, para que o buscador entenda que elas foram alteradas — você pode fazer isso por meio do Google Search Console.

3. Produza conteúdos valiosos para os consumidores

Considerando que os consumidores começam a pesquisar o que pretendem adquirir na Black Friday com antecedência, que tal ajudá-los nessa jornada de compra?

Produza conteúdos que ofereçam mais informações sobre os produtos e ajudem os clientes a tomarem sua decisão de compra. Os formatos podem ser variados, como artigos para o blog do seu e-commerce ou vídeos para o YouTube.

Se você tem um e-commerce de eletrônicos, por exemplo, pode criar um guia de compras para a Black Friday sobre os 5 melhores modelos de smartphones no mercado, com um comparativo dos aparelhos para ajudar o cliente a escolher qual vai comprar.

Dessa forma, você se aproxima dos consumidores desde já e também trabalha a autoridade da sua marca para palavras-chave relacionadas à Black Friday.

4. Crie uma landing page para a Black Friday

Criar uma landing page exclusiva para a Black Friday é uma excelente estratégia de SEO para o seu e-commerce. Você pode incluir nessa página:

  • as principais promoções de Black Friday da sua loja virtual;
  • um campo para os usuários se cadastrarem para receber novidades e ofertas em primeira mão;
  • uma contagem regressiva para as próximas ofertas de Black Friday, de forma a gerar expectativa nos clientes;
  • as perguntas mais frequentes dos consumidores sobre as promoções de Black Friday.

Além de reunir as principais informações da Black Friday, facilitando a navegação do consumidor, a landing page ajuda a fortalecer as palavras-chave definidas para a sua estratégia de SEO e também a linkagem interna do seu site.

5. Otimize as imagens para SEO

Além das fotos de produtos serem muito importantes para a decisão de compra dos clientes, elas também têm chances de aparecer nos resultados das buscas no Google Imagens, ajudando a gerar tráfego para o e-commerce.

Por isso, é essencial investir em imagens de qualidade e que sejam atrativas para o consumidor, mostrando os produtos em seus diferentes ângulos e detalhes.

No entanto, para não impactar a velocidade de carregamento do site, lembre-se de salvar as fotos em tamanhos reduzidos e formatos compactos, como PNG.

Além disso, para otimizar as suas imagens para SEO, insira a palavra-chave do produto relacionada à Black Friday no nome do arquivo da foto e também no texto alternativo (alt text), que descreve os elementos da imagem.

6. Verifique a velocidade de carregamento do site

Um site muito lento prejudica a experiência do usuário e, consequentemente, o SEO do e-commerce. Segundo o próprio Google, o ideal é que o site demore, no máximo, 2 segundos para carregar.

Na Black Friday, isso é ainda mais importante. Afinal, os clientes valorizam a agilidade para aproveitar as promoções e, se o seu site tiver algum problema nesse sentido, eles podem rapidamente migrar para um concorrente.

Portanto, é indispensável verificar a velocidade de carregamento do seu e-commerce e fazer otimizações para melhorá-la.

O PageSpeed Insights é uma ferramenta gratuita do Google que pode te ajudar nisso, indicando erros que estão deixando o carregamento do seu site mais lento.

7. Garanta a responsividade das suas páginas

Para conquistar as primeiras posições nos resultados dos mecanismos de busca, é preciso proporcionar uma boa experiência de navegação ao usuário, independentemente do dispositivo que ele utilizar.

Um relatório da Linx aponta que 40% das compras realizadas na Black Friday 2020 foram feitas via mobile, um crescimento de 11% em comparação com o ano anterior.

Nesse sentido, é muito importante investir em um layout responsivo, que garanta uma boa experiência em diferentes tamanhos de telas. Assim, você não perde vendas no mobile e também consegue alcançar um melhor ranqueamento no Google.

8. Fortaleça o link building do site

Um dos principais fatores de ranqueamento considerado pelo Google é o link building, ou seja, a existência de outros sites direcionando para o seu.

Para trabalhar essa estratégia na Black Friday, você pode fazer parcerias com criadores de conteúdo e portais de notícias para que eles divulguem links para as ofertas da sua loja em seus próprios sites e blogs. É muito comum encontrar curadorias com as melhores promoções da data, por exemplo.

No entanto, para que essa estratégia realmente funcione, é fundamental que você invista também em todos os outros pontos que citamos neste conteúdo.

Afinal, com um e-commerce otimizado para oferecer a melhor experiência ao usuário, você terá muito mais chances de conseguir as parcerias com esses sites.

Gostou das nossas dicas de SEO para a Black Friday? Agora é hora de colocá-las em prática o mais rápido possível, para potencializar os resultados da sua estratégia e aumentar a visibilidade do seu e-commerce nessa data tão importante para o varejo.

Aproveitando que você está estruturando as estratégias de divulgação da sua loja, que tal conferir nossas dicas para os seus anúncios de Black Friday? Boas vendas!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

22, outubro, 2021

O que é e-commerce: guia completo de como funciona e como criar um

Confira tudo o que você precisa saber sobre o que é e-commerce e como funciona esse modelo de negócio digital que está crescendo cada vez mais!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

21, outubro, 2021

5 estratégias para reduzir o abandono de carrinho na Black Friday

É imprescindível preparar a sua loja para evitar o abandono de carrinho na Black Friday. Conheça as estratégias essenciais!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

20, outubro, 2021

Prateleira infinita: como integrar estoques e oferecer uma melhor experiência?

Saiba mais sobre a prateleira infinita, solução omnichannel que permite vender produtos do estoque do e-commerce na loja física!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo