Como escolher a melhor plataforma para o seu e-commerce?

E-commerce

21 de janeiro de 2020 (atualizado em 7 de janeiro de 2021)

Escolher a plataforma de e-commerce adequada às necessidades da sua loja virtual é fundamental para garantir uma alta performance do seu negócio.

É a plataforma que garante toda a infraestrutura necessária para a criação e a manutenção de um e-commerce. Ou seja, uma plataforma oferece, em um só lugar, ferramentas que vão desde a criação visual de uma loja online até a gestão de preços e estoque, integração com meios de pagamento e tabelas de frete das principais transportadoras do mercado.

Esses são serviços que, fora de uma plataforma, o lojista teria que procurar um a um com diversas empresas e profissionais, o que poderia implicar em tempo e valores mais altos para colocar a loja no ar.

Todas essas funcionalidades básicas impactam em pontos essenciais de um e-commerce, como o aumento da conversão. Por isso, a seleção da plataforma ideal é muito importante na hora de começar a vender online.

Veja abaixo como escolher uma plataforma de e-commerce para o seu negócio!

Tipos de plataforma de e-commerce

Existem diferentes tipos de plataformas disponíveis no mercado, que atendem negócios em variados momentos e com necessidades específicas. Para encontrar a melhor opção para a sua loja, é importante analisar a realidade do seu e-commerce e definir suas prioridades e seu orçamento.

Plataformas open source

As plataformas open source são aquelas que possuem código aberto, disponibilizado por desenvolvedores para uso gratuito. Elas permitem uma maior personalização e são atualizadas constantemente.

Contudo, apesar do alto grau de customização e da facilidade de acesso ao código-fonte, existem alguns pontos que precisam ser destacados. Em alguns casos, pode ser difícil a integração de novas funcionalidades. Além disso, o lojista deve ficar responsável por todo o processo de implementação e manutenção da plataforma, o que requer um bom conhecimento técnico.

Outro fator que não deve ser esquecido é a segurança: a loja virtual precisa contratar serviços especializados para que fique protegida contra ataques.

Plataformas proprietárias

Nas plataformas proprietárias, o código-fonte pertence ao fornecedor. Isso quer dizer que o lojista encontra a maior parte dos serviços de criação e gestão da loja já prontos para serem usados, sem a necessidade de ter um time de desenvolvimento para fazer a integração.

Essa opção de plataforma é interessante para quem precisa de uma solução pronta para usar, muitas vezes chamada de “plug & play”. No entanto, as possibilidades de customizações são mais limitadas, não sendo possível personalizar todos os detalhes para as suas necessidades.

Plataformas de desenvolvimento próprio

Esse tipo de plataforma é desenvolvido pela própria equipe do e-commerce, sem ter como base códigos já disponibilizados no mercado. Isso envolve criar do zero todos os aspectos da loja online, como a aparência do site, o carrinho, o checkout e o sistema de gerenciamento.

Apesar de permitir um alto grau de personalização, traz como desvantagem mais custos, além de um tempo maior de desenvolvimento.

Plataformas licenciadas

Nesse modelo, o lojista adquire uma licença da empresa fornecedora para usar o código-fonte e implementar a plataforma. Porém, é necessário que a loja virtual tenha uma equipe de desenvolvedores para assumir o processo.

Plataformas SaaS (Software as a Service)

As plataformas SaaS mantêm a estrutura do e-commerce na nuvem, podendo ser acessadas de qualquer dispositivo com conexão à internet. Como os lojistas pagam uma mensalidade para ter acesso ao sistema dessas plataformas, elas são consideradas “lojas virtuais alugadas”.

Funcionalidades e integrações

Após identificar o tipo de plataforma ideal para o seu e-commerce, vale fazer uma pesquisa no mercado. Estude as principais opções disponíveis, encontre as mais utilizadas pelos concorrentes e compare os recursos e avaliações de cada uma.

Por meio de uma análise minuciosa, é possível fazer a escolha mais adequada à sua realidade. Para isso, considere o porte e o segmento da sua loja, levando em conta as necessidades específicas do seu negócio.

Para quem está começando, não adianta pagar caro por uma solução mais completa, por exemplo, se não for usar todas as funcionalidades. O ideal é considerar as particularidades do seu negócio para encontrar a opção que ofereça o melhor custo-benefício.

Geralmente, plataformas que oferecem as funcionalidades básicas para o lojista acabam sendo uma opção interessante para começar a vender online. Elas possibilitam fazer mudanças e implementações rapidamente, ganhando velocidade sem precisar se preocupar com a tecnologia.

Confira alguns recursos e integrações importantes para uma plataforma de e-commerce!

Layout personalizável e responsivo

Um layout agradável e responsivo é essencial para oferecer uma boa experiência de compra para o cliente. Busque plataformas que ofereçam templates com boa usabilidade, rápido carregamento das páginas e que você possa customizar de acordo com a identidade visual da sua marca.

Também é fundamental que a plataforma ofereça uma versão mobile para a sua loja. Afinal, as compras por dispositivos móveis estão em amplo crescimento: 85% dos consumidores brasileiros já fizeram alguma compra pelo smartphone, segundo levantamento do Mobile Time em parceria com a Opinion Box.

Ao facilitar a navegação do usuário no seu site e oferecer uma experiência confortável em qualquer dispositivo, será possível aumentar a taxa de conversão do seu e-commerce.

Otimização para SEO

Para garantir que o seu site seja facilmente encontrado nas buscas online, ferramentas de SEO (Search Engine Optimization) são fundamentais. Assim, cheque se a plataforma permite fazer alterações em alguns atributos das suas páginas, como títulos, descrições, imagens e URLs.

Essas otimizações permitem que o site se posicione nos primeiros resultados dos buscadores. Com isso, seu e-commerce é encontrado com mais facilidade por potenciais clientes, gerando mais tráfego para sua loja.

Meios de pagamento

Também é importante que a plataforma possua integração com os principais meios de pagamento do mercado. Assim, você pode escolher a opção que ofereça um leque maior de formas de pagamento para seu cliente, possibilitando mais conversão para sua loja virtual.

Além disso, os consumidores devem ter confiança em todo o processo de compra. Por isso, o processo de pagamento deve ser simples e seguro, para evitar o abandono de carrinho. Uma funcionalidade importante nesse sentido é o checkout transparente, que mantém o usuário na mesma página para finalizar o pedido.

Frete e logística

A entrega do produto, que envolve os prazos e valores cobrados, é uma das etapas mais importantes para garantir a satisfação do consumidor. Uma pesquisa do Baymard Institute mostrou que 50% dos consumidores já desistiram de uma compra em função de custos extras com frete e outras taxas.

Para oferecer as melhores soluções logísticas para seu cliente, verifique se a plataforma oferece integração com os sistemas dos Correios e com tabelas de frete de diferentes transportadoras. Ao disponibilizar várias opções de frete para o usuário, ele consegue escolher a mais vantajosa para suas necessidades, incentivando-o a finalizar a compra.

Gestão do e-commerce

A plataforma deve oferecer ferramentas para o gerenciamento da operação do seu e-commerce, por meio de relatórios e uma variedade de informações sobre suas vendas. Um bom recurso é um painel administrativo com dados confiáveis e valiosos, que permita que você tome decisões mais assertivas para o seu negócio.

Também é interessante que a plataforma tenha integrações com sistemas externos que facilitem ainda mais a gestão e a expansão do seu e-commerce. Algumas importantes integrações são com:

  • ERPs (sistemas de gestão);
  • marketplaces;
  • redes sociais;
  • ferramentas de marketing digital;
  • chat online;
  • gestão de estoque;
  • ferramentas de monitoramento, como Google Analytics.

Infraestrutura e segurança

A infraestrutura é outro importante fator que deve ser analisado na hora de escolher a melhor plataforma para o seu e-commerce. A plataforma deve oferecer estabilidade, garantindo que o seu site esteja sempre no ar e aguente possíveis picos de tráfego.

A segurança dos dados também é um aspecto imprescindível, para evitar qualquer problema de invasão e garantir a confiança dos consumidores no seu site. Para isso, busque uma plataforma que ofereça integrações com selos e certificados de segurança.

Por fim, é necessário checar se as plataformas estão atualizadas em relação ao mercado, com lançamento de novas funcionalidades e manutenção constantes. Veja também se elas oferecem tutoriais, além de um suporte eficiente para resolver qualquer problema.

Como podemos ver, a seleção da plataforma é uma etapa essencial para o sucesso do seu negócio. Portanto, busque opções reconhecidas e confiáveis, que tenham um bom histórico e avaliações positivas no mercado.

Com essa análise minuciosa, levando em conta as particularidades da sua loja, será possível encontrar a melhor plataforma para as suas necessidades.

Agora que você já sabe como escolher uma plataforma de e-commerce, inscreva-se na nossa newsletter e acompanhe os melhores conteúdos do mundo digital!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

13, janeiro, 2021

Meios de pagamento online: como escolher o melhor para o seu negócio

Os meios de pagamento online são fundamentais para oferecer uma boa experiência de compra no seu e-commerce. Descubra como escolher a melhor opção para a sua loja!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

11, janeiro, 2021

Aprenda como reduzir custos logísticos no seu e-commerce

Parte essencial da operação de um e-commerce, a logística demanda vários gastos, como frete, armazenamento e manuseio. Confira como reduzir custos logísticos da sua loja, sem comprometer a eficiência e a qualidade do negócio!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

06, janeiro, 2021

Metas SMART: entenda o que são e como aplicá-las no seu negócio

Metas bem definidas são fundamentais para o sucesso de qualquer negócio. Para otimizar o processo de estruturação desses objetivos, o método SMART é uma ótima ferramenta. Conheça as metas SMART e saiba como aplicá-las na sua empresa!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo