Como vender no Pinterest: 5 estratégias para o seu negócio

E-commerce

28 de maio de 2021

Se você desenvolve uma estratégia de redes sociais para o seu e-commerce, provavelmente já tem uma conta no Facebook e no Instagram. Mas você sabia que o Pinterest também pode ser um canal muito relevante para gerar tráfego e vendas?

Muito mais do que uma rede social para ver ideias de moda e decoração, o Pinterest tem uma grande influência na jornada de compra dos consumidores.

De acordo com dados da própria empresa, 80% dos usuários ativos semanais do Pinterest já descobriram uma marca ou um produto novo na plataforma.

Neste artigo, você vai saber mais sobre as particularidades desse canal e aprender como vender no Pinterest. Vamos lá?

O que é o Pinterest?

Criado em 2010, o Pinterest é uma rede social de compartilhamento de imagens, que permite que o usuário crie boards, ou seja, quadros de inspirações com fotos relacionadas aos seus interesses.

É possível organizar várias pastas, públicas ou privadas, reunindo referências de diferentes assuntos — as imagens salvas são chamadas de pins.

O Pinterest conta com mais de 400 milhões de usuários ativos mensais em todo o mundo, sendo que 60% são mulheres. Em relação à faixa etária, o público da Geração Z, ou seja, jovens nascidos a partir dos anos 2000, tem registrado um crescimento de 50% a cada ano, segundo a própria plataforma.

Além disso, como se trata de um canal bastante visual, os temas mais abordados na rede geralmente são relacionados aos segmentos de moda, arte, decoração, culinária, estilo de vida e DIY (do-it-yourself ou faça você mesmo, em português).

Quais são os diferenciais do Pinterest?

Ao contrário de outras redes sociais, como Facebook e Instagram, o Pinterest não apresenta uma funcionalidade de “curtir” as publicações. O objetivo principal é salvar, organizar e compartilhar inspirações visuais de acordo com os assuntos de interesse do usuário.

Por esse motivo, a ferramenta não diminui o alcance de conteúdos que divulgam links de páginas externas — o compartilhamento de referências faz parte da proposta do Pinterest. Dessa forma, ele pode ser um grande aliado para gerar visitas para o seu site.

Outra vantagem é que o algoritmo do Pinterest não considera dia, horário e frequência de publicação para determinar o alcance de uma postagem. O fator mais relevante, nesse sentido, são os temas de interesse dos usuários. Com isso, um pin pode gerar resultados por vários meses.

Como vender no Pinterest?

Considerando os diferenciais que destacamos e o fato de que a plataforma é muito utilizada por pessoas que buscam referências e inspirações, inclusive, de produtos, o Pinterest pode ser um excelente canal para impulsionar suas vendas.

Para isso, o primeiro passo é criar um perfil comercial na rede social, chamado de conta business. Se você já tem um cadastro pessoal na plataforma, é possível transformá-lo em uma conta empresarial.

Para configurar o seu perfil, é só preencher algumas informações básicas, como nome, tipo da empresa e link do site, e pronto! Você já pode começar a criar pins e pastas para a sua conta.

Quer saber como usar o Pinterest para vender? Veja a seguir as melhores estratégias!

1. Monte pastas de inspirações

As pessoas buscam o Pinterest, principalmente, para encontrar conteúdos inspiradores relacionados aos temas do seu interesse. É importante, portanto, criar pastas que vão além de imagens com o objetivo apenas de divulgar os seus produtos.

Monte painéis temáticos com referências de assuntos que despertem a atenção do seu público-alvo, compartilhando dicas relevantes ao mesmo tempo em que promove o seu negócio.

Se você tem uma loja virtual de moda, por exemplo, que tal criar uma pasta com ideias de looks com as peças da sua nova coleção? Se estiver na época de alguma data comemorativa, como Natal ou Dia das Mães, você também pode montar um mural com sugestões de presentes.

O ideal é explorar bastante a criatividade para oferecer conteúdos que sejam úteis e atrativos para os seus consumidores.

Perfil do Pinterest da Veromobili

A Veromobili compartilha, em seu perfil do Pinterest, inspirações de ambientes utilizando móveis vendidos pela loja. Fonte: Pinterest da Veromobili

2. Publique imagens de qualidade

O conteúdo compartilhado no Pinterest é, em grande parte, baseado em imagens. Nesse sentido, a qualidade das fotos que você publica na plataforma é um fator fundamental para o sucesso da sua estratégia.

Invista em imagens de alta resolução, que sejam atrativas e transmitam os valores da sua marca. Também é importante se atentar às dimensões: o recomendado é criar pins na proporção de 1000 x 1500 pixels, nos formatos .jpg ou .png e com tamanho de até 32 MB.

3. Faça descrições otimizadas

Apesar das imagens serem o carro chefe do Pinterest, também é importante ter atenção com os textos dos seus conteúdos. Produza títulos e descrições de qualidade para os seus pins, fazendo uso de palavras-chave relacionadas ao seu negócio.

Você pode fazer a pesquisa dos termos mais buscados pelo público em ferramentas como o Google Keyword Planner. Essa prática ajuda a atrair as pessoas certas para as suas publicações e ainda contribui para que elas apareçam nos resultados do Google Imagens, aumentando o seu alcance.

Tome cuidado também com o tamanho dos seus textos. O título pode ter até 100 caracteres, enquanto a descrição deve apresentar no máximo 500 caracteres, sendo que as primeiras 50 a 60 letras são aquelas que aparecerão no feed — isso significa que o início do texto deve conter as principais informações para capturar a atenção do usuário.

4. Crie pins de produtos

Os pins de produtos são um recurso disponível para contas comerciais, que permite exibir não somente uma imagem de um produto da marca, mas também o preço, a disponibilidade no estoque e um link para a página de venda.

Para utilizar essa ferramenta, é preciso adicionar uma tag do sistema nas páginas de produto do seu e-commerce. A partir disso, o Pinterest conseguirá coletar as informações dos itens diretamente do seu site, atualizando-as automaticamente na plataforma.

Para lojas do segmento de moda e decoração, ainda é possível utilizar a funcionalidade Shop The Look, que possibilita marcar diversos produtos em um mesmo pin, mostrando as suas principais informações e o link para a página de compra.

No caso de uma empresa de móveis que compartilha referências de ambientes decorados com os produtos da loja, por exemplo, o cliente pode clicar na imagem e facilmente visualizar todos os itens que estão à venda na foto, podendo ser redirecionado para o site para finalizar a compra.

Perfil do Pinterest do Boticário

O Boticário tem uma pasta com pins das suas melhores ofertas, direcionando para as páginas dos produtos no site. Fonte: Pinterest do Boticário

5. Adicione o botão “pin it” no seu site

Além de produzir conteúdos exclusivos para o Pinterest, outra estratégia para aumentar a visibilidade da sua marca é colocando o botão “pin it” nas páginas do seu e-commerce.

Ao clicar nesse botão, o usuário pode salvar e compartilhar a imagem do seu produto em seu perfil pessoal na rede social, gerando engajamento e alcançando novos possíveis consumidores.

Para adicionar o “pin it” nas fotos da sua loja online, basta criar um botão personalizado na ferramenta “construtor de widget” do próprio Pinterest e inserir o código HTML gerado no seu site.

O Pinterest é uma rede social que tem conquistado cada vez mais o público, e agora você sabe como usá-lo para gerar visitas e vendas para o seu e-commerce.

Contudo, é importante considerar se o perfil da audiência dessa plataforma, majoritariamente feminino e jovem, faz sentido para a sua estratégia. Dessa forma, você poderá decidir se vale a pena ou não investir nesse canal.

Se você gostou de aprender como vender no Pinterest, confira nosso conteúdo sobre social commerce e descubra como implementar essa estratégia de vendas baseada no uso das redes sociais!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

18, junho, 2021

Como usar recursos visuais para aumentar as vendas no seu e-commerce

Quer cativar os clientes da sua loja virtual? Descubra neste artigo como usar recursos visuais para isso, melhorando a apresentação dos seus produtos!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

17, junho, 2021

Layout de loja virtual: 9 dicas para otimizar o seu site

Confira as melhores práticas para otimizar um layout de loja virtual, facilitando a navegação do usuário e aumentando as conversões.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

16, junho, 2021

Estoque parado: como evitar e resolver esse problema?

O estoque parado é um problema que pode impactar a saúde financeira e o crescimento de um comércio. Descubra o que fazer para evitar e solucionar essa situação!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo