Metas SMART: entenda o que são e como aplicá-las no seu negócio

E-commerce

6 de janeiro de 2021 (atualizado em 10 de janeiro de 2022)

A definição de metas é uma etapa essencial para o sucesso de qualquer negócio. Saber onde a empresa quer chegar permite alinhar e direcionar os esforços para alcançar esse objetivo, motivando e engajando os envolvidos.

Assim, aumenta-se a produtividade e a eficiência das estratégias, sendo possível planejar as ações mais assertivas para conquistar os melhores resultados.

Como podemos ver, metas bem definidas orientam seu empreendimento para o sucesso. E, para otimizar o processo de estruturação desses objetivos, as metas SMART podem contribuir muito. Conheça essa metodologia e saiba como aplicá-la na sua empresa!

O que você vai aprender a seguir:

  • O que são metas SMART?
  • Como aplicar a metodologia no seu negócio?
  • Exemplo prático de meta SMART
  • Qual a importância de trabalhar com metas no e-commerce?
  • Como ter bons resultados com as metas SMART?

O que são metas SMART?

As metas SMART são uma ferramenta para a definição de metas inteligentes. Segundo esse método, para ser eficaz, uma meta deve apresentar cinco características fundamentais. Esses critérios estão descritos na sigla SMART, que significa:

  • S - specific (específica);
  • M - measurable (mensurável);
  • A - attainable (atingível);
  • R - relevant (relevante);
  • T - time based (temporal).

Ao atender esses requisitos, as metas SMART oferecem as informações necessárias para direcionar a estratégia da empresa rumo aos resultados esperados. Com isso, todos os colaboradores compreendem os objetivos do negócio e os principais passos para alcançá-los.

Como aplicar a metodologia no seu negócio?

Cada atributo do método SMART deve ser levado em consideração para a criação de metas inteligentes e assertivas. Confira os critérios da metodologia detalhadamente e aprenda a aplicá-la no seu negócio!

S - Específica

Para garantir o alinhamento de todos os envolvidos, a meta deve ser específica. Determinar que a empresa quer reduzir os custos, por exemplo, é muito genérico e não revela o que deve ser feito para atingir esse resultado.

Para especificar o máximo possível a sua meta, considere aspectos como:

  • o resultado que se pretende conquistar;
  • por que ele é importante para o negócio;
  • como esse objetivo será alcançado;
  • quais recursos e ações serão necessários;
  • quem será o responsável;
  • quando a meta deve ser atingida.

Aplicando esse método no caso do exemplo citado, uma meta mais eficiente seria diminuir em 40% as despesas com logística até o final do ano. Assim, há uma clareza maior de detalhes e um entendimento de todos sobre onde devem chegar e como podem fazer isso.

M - Mensurável

Uma meta mensurável, ou seja, que pode ser medida, permite o monitoramento do seu progresso. Isso é importante, porque possibilita que a empresa reavalie suas ações e otimize sua estratégia para chegar mais perto do atingimento do objetivo.

Para isso, devem ser definidos indicadores que serão periodicamente acompanhados para avaliar os resultados alcançados.

Se a sua meta for aumentar as vendas em 25% até o final do primeiro trimestre, por exemplo, você pode monitorá-la por meio do faturamento da empresa ao longo do período estipulado.

Por meio desse acompanhamento das metas, também é possível determinar marcos a serem celebrados quando alcançados. Essa é uma boa forma de estimular o desempenho da equipe.

A - Atingível

Uma meta deve ser desafiadora, mas atingível. Afinal, nada adianta estabelecer um objetivo muito ambicioso, mas que não possa ser alcançado. Isso pode frustrar aqueles que se esforçaram para atingir o resultado esperado, gerando uma desmotivação interna.

Para garantir que sua meta seja atingível, estude a realidade do seu negócio, avaliando o histórico, o cenário do mercado e os recursos disponíveis, tanto financeiros quanto humanos.

Desse modo, será possível definir uma meta que desafie sua equipe, mas que seja alcançável, incentivando as pessoas a atingi-la.

R - Relevante

Pode parecer óbvio, mas vale destacar que as metas devem ser relevantes para o seu negócio. Isso quer dizer que todos devem entender a importância dos objetivos traçados e os benefícios que eles podem trazer.

Para avaliar a relevância de uma meta, pense em como ela pode impactar o negócio e por que ela é importante no momento.

É necessário analisar os números da empresa e a realidade do mercado, bem como os macro objetivos estratégicos da organização. Com isso, será possível analisar se o contexto é propício e se a meta deve ser priorizada.

Se o mercado estiver passando por uma crise econômica, por exemplo, uma meta relacionada à redução de custos será relevante para toda a empresa. E, ao entenderem a importância desse objetivo para o negócio, os envolvidos se sentirão muito mais motivados para alcançá-lo.

T - Temporal

Trabalhar com metas temporais é imprescindível. Sem um prazo definido, as metas podem não ser levadas a sério, sendo continuamente procrastinadas.

Já ao determinar um período para o atingimento dos objetivos, é possível organizar e priorizar as ações de forma eficiente, visando alcançar os resultados no tempo esperado.

Para isso, é importante criar um cronograma com os prazos para o alcance de cada meta, além das datas para todas as tarefas e marcos previstos.

Esse planejamento pode sofrer alterações ao longo do caminho, mas é essencial já ter um calendário inicial que possa servir de base para as estratégias.

Os prazos também devem ser viáveis. Por isso, converse com sua equipe para entender quanto tempo eles acreditam ser necessário para o cumprimento das ações e identifique quem será o responsável por cada uma.

Exemplo prático de meta SMART

Vamos tangibilizar as metas SMART com um exemplo.

Imagine só: um e-commerce de moda casual está enfrentando muitos pedidos de devolução dos itens. Esse cenário é dispendioso com a logística reversa e, ainda, é consequência da insatisfação dos clientes com as aquisições feitas.

Diante disso, temos o seguinte desdobramento em uma meta para reverter a situação:

S - Diminuir em 60% os pedidos de troca ou devolução das peças compradas em um prazo de seis meses.

M - É possível acompanhar a meta de redução em 60%, por meio do cálculo dos pedidos de devolução em relação ao total de itens comprados mês a mês.

A - Para atingir esse objetivo, os times de atendimento ao cliente, marketing, gestão e logística devem se mobilizar.

  • Atendimento ao cliente: entender os motivos que estão levando os clientes a pedirem a devolução dos itens.
  • Marketing: revisar e reformular as comunicações feitas nas redes sociais e nas páginas de produtos, garantindo que não haja um gap entre a expectativa do cliente e a realidade de quando ele é entregue.
  • Gestão: a partir dos feedbacks coletados com o time de atendimento ao cliente, pode ser necessário fazer a negociação com novos fornecedores para as peças, visando garantir uma melhor qualidade dos itens.
  • Logística: garantir a qualidade na entrega dos produtos, com uma embalagem que não danifique as peças enviadas.

Vale lembrar que uma meta menor deve ser criada para cada um desses times cumprirem a sua parte da meta global. As OKRs, que são uma outra metodologia de gestão, podem ajudar a fazer essa divisão em micro-objetivos.

R - Está claro que a meta foi criada a partir de um problema com grande impacto na rentabilidade do negócio e na satisfação do consumidor final.

T - Prazo de seis meses para o objetivo geral ser conquistado.

Qual a importância de trabalhar com metas no e-commerce?

Seja em âmbito pessoal ou profissional, crescimento e sucesso são norteados por objetivos claros. No e-commerce não é diferente.

Por isso, se o seu empreendimento está estagnado ou se você deseja alcançar novos e ambiciosos sonhos, a definição de metas e meios para alcançá-los com a metodologia SMART vai te ajudar!

Se ainda não sabe quais objetivos deveria traçar ou quais pontos de melhoria poderia colocar em prática no seu e-commerce, confira o artigo: 10 KPIs de e-commerce para mensurar os seus resultados.

Como ter bons resultados com as metas SMART?

Depois de traçar suas metas e quem, quando e como elas serão alcançadas, ainda é preciso dedicar esforços para que essa estratégia não se perca no caminho. Por isso, é importante colocar em prática também estas dicas.

1. Motive a sua equipe

O sucesso de qualquer meta depende do empenho dos responsáveis por ela. Por isso, tente criar em conjunto com a própria área as metas que competem aos profissionais.

Dessa forma, elas serão muito mais assertivas para a realidade da equipe e, com o envolvimento dos profissionais, as chances deles se motivarem e se dedicarem em prol do objetivo são maiores.

Bonificações e reconhecimento profissional também são bem-vindos para engajar o time.

2. Monitore

Como alcançar uma meta se você não acompanhá-la constantemente? Coloque na sua rotina, e de toda a equipe, momentos periódicos para revisitar a meta, seu progresso e, quando necessário, discutir planos de ação para conseguir garantir o sucesso dos objetivos estabelecidos.

3. Incentive a transparência e o reconhecimento

As metas foram batidas? Reconheça os envolvidos nesses esforços. Mas, se não forem alcançadas, também é importante ter transparência em relação a isso com toda a equipe e buscar entender quais foram os impeditivos para o sucesso da empreitada para revisá-la da melhor maneira possível em um próximo ciclo.

Por fim, vale ressaltar que a definição de metas deve ser um processo contínuo. Uma empresa deve sempre buscar potencializar seus resultados.

Para isso, é fundamental se orientar por meio de metas SMART, garantindo a motivação dos colaboradores e o constante crescimento do negócio.

O método SMART pode ser aplicado em vários setores de um empreendimento, como vendas, logística, financeiro e marketing.

Quer continuar aprofundando os seus conhecimentos para garantir o sucesso da sua loja virtual? Leia também: 17 livros de empreendedorismo para potencializar seu negócio.

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

17, janeiro, 2022

Como anunciar no Instagram Ads: passo a passo para sua loja

Confira nosso guia completo de como anunciar no Instagram Ads e aprenda a aumentar o alcance do seu negócio com essa ferramenta!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

14, janeiro, 2022

O que vender na internet? Confira 10 ideias para 2022

Quer empreender no mundo online, mas ainda não sabe o que vender na internet? Reunimos os principais dados e tendências do mercado para você se inspirar.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

13, janeiro, 2022

Funil de vendas para e-commerce: saiba como fazer!

As empresas que estão voltadas para garantir a presença no ambiente virtual precisam entender a importância do funil de vendas para e-commerce. Confira!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

Metas SMART: entenda o que são e como aplicá-las no seu negócio

E-commerce

6 de janeiro de 2021 (atualizado em 10 de janeiro de 2022)

A definição de metas é uma etapa essencial para o sucesso de qualquer negócio. Saber onde a empresa quer chegar permite alinhar e direcionar os esforços para alcançar esse objetivo, motivando e engajando os envolvidos.

Assim, aumenta-se a produtividade e a eficiência das estratégias, sendo possível planejar as ações mais assertivas para conquistar os melhores resultados.

Como podemos ver, metas bem definidas orientam seu empreendimento para o sucesso. E, para otimizar o processo de estruturação desses objetivos, as metas SMART podem contribuir muito. Conheça essa metodologia e saiba como aplicá-la na sua empresa!

O que você vai aprender a seguir:

  • O que são metas SMART?
  • Como aplicar a metodologia no seu negócio?
  • Exemplo prático de meta SMART
  • Qual a importância de trabalhar com metas no e-commerce?
  • Como ter bons resultados com as metas SMART?

O que são metas SMART?

As metas SMART são uma ferramenta para a definição de metas inteligentes. Segundo esse método, para ser eficaz, uma meta deve apresentar cinco características fundamentais. Esses critérios estão descritos na sigla SMART, que significa:

  • S - specific (específica);
  • M - measurable (mensurável);
  • A - attainable (atingível);
  • R - relevant (relevante);
  • T - time based (temporal).

Ao atender esses requisitos, as metas SMART oferecem as informações necessárias para direcionar a estratégia da empresa rumo aos resultados esperados. Com isso, todos os colaboradores compreendem os objetivos do negócio e os principais passos para alcançá-los.

Como aplicar a metodologia no seu negócio?

Cada atributo do método SMART deve ser levado em consideração para a criação de metas inteligentes e assertivas. Confira os critérios da metodologia detalhadamente e aprenda a aplicá-la no seu negócio!

S - Específica

Para garantir o alinhamento de todos os envolvidos, a meta deve ser específica. Determinar que a empresa quer reduzir os custos, por exemplo, é muito genérico e não revela o que deve ser feito para atingir esse resultado.

Para especificar o máximo possível a sua meta, considere aspectos como:

  • o resultado que se pretende conquistar;
  • por que ele é importante para o negócio;
  • como esse objetivo será alcançado;
  • quais recursos e ações serão necessários;
  • quem será o responsável;
  • quando a meta deve ser atingida.

Aplicando esse método no caso do exemplo citado, uma meta mais eficiente seria diminuir em 40% as despesas com logística até o final do ano. Assim, há uma clareza maior de detalhes e um entendimento de todos sobre onde devem chegar e como podem fazer isso.

M - Mensurável

Uma meta mensurável, ou seja, que pode ser medida, permite o monitoramento do seu progresso. Isso é importante, porque possibilita que a empresa reavalie suas ações e otimize sua estratégia para chegar mais perto do atingimento do objetivo.

Para isso, devem ser definidos indicadores que serão periodicamente acompanhados para avaliar os resultados alcançados.

Se a sua meta for aumentar as vendas em 25% até o final do primeiro trimestre, por exemplo, você pode monitorá-la por meio do faturamento da empresa ao longo do período estipulado.

Por meio desse acompanhamento das metas, também é possível determinar marcos a serem celebrados quando alcançados. Essa é uma boa forma de estimular o desempenho da equipe.

A - Atingível

Uma meta deve ser desafiadora, mas atingível. Afinal, nada adianta estabelecer um objetivo muito ambicioso, mas que não possa ser alcançado. Isso pode frustrar aqueles que se esforçaram para atingir o resultado esperado, gerando uma desmotivação interna.

Para garantir que sua meta seja atingível, estude a realidade do seu negócio, avaliando o histórico, o cenário do mercado e os recursos disponíveis, tanto financeiros quanto humanos.

Desse modo, será possível definir uma meta que desafie sua equipe, mas que seja alcançável, incentivando as pessoas a atingi-la.

R - Relevante

Pode parecer óbvio, mas vale destacar que as metas devem ser relevantes para o seu negócio. Isso quer dizer que todos devem entender a importância dos objetivos traçados e os benefícios que eles podem trazer.

Para avaliar a relevância de uma meta, pense em como ela pode impactar o negócio e por que ela é importante no momento.

É necessário analisar os números da empresa e a realidade do mercado, bem como os macro objetivos estratégicos da organização. Com isso, será possível analisar se o contexto é propício e se a meta deve ser priorizada.

Se o mercado estiver passando por uma crise econômica, por exemplo, uma meta relacionada à redução de custos será relevante para toda a empresa. E, ao entenderem a importância desse objetivo para o negócio, os envolvidos se sentirão muito mais motivados para alcançá-lo.

T - Temporal

Trabalhar com metas temporais é imprescindível. Sem um prazo definido, as metas podem não ser levadas a sério, sendo continuamente procrastinadas.

Já ao determinar um período para o atingimento dos objetivos, é possível organizar e priorizar as ações de forma eficiente, visando alcançar os resultados no tempo esperado.

Para isso, é importante criar um cronograma com os prazos para o alcance de cada meta, além das datas para todas as tarefas e marcos previstos.

Esse planejamento pode sofrer alterações ao longo do caminho, mas é essencial já ter um calendário inicial que possa servir de base para as estratégias.

Os prazos também devem ser viáveis. Por isso, converse com sua equipe para entender quanto tempo eles acreditam ser necessário para o cumprimento das ações e identifique quem será o responsável por cada uma.

Exemplo prático de meta SMART

Vamos tangibilizar as metas SMART com um exemplo.

Imagine só: um e-commerce de moda casual está enfrentando muitos pedidos de devolução dos itens. Esse cenário é dispendioso com a logística reversa e, ainda, é consequência da insatisfação dos clientes com as aquisições feitas.

Diante disso, temos o seguinte desdobramento em uma meta para reverter a situação:

S - Diminuir em 60% os pedidos de troca ou devolução das peças compradas em um prazo de seis meses.

M - É possível acompanhar a meta de redução em 60%, por meio do cálculo dos pedidos de devolução em relação ao total de itens comprados mês a mês.

A - Para atingir esse objetivo, os times de atendimento ao cliente, marketing, gestão e logística devem se mobilizar.

  • Atendimento ao cliente: entender os motivos que estão levando os clientes a pedirem a devolução dos itens.
  • Marketing: revisar e reformular as comunicações feitas nas redes sociais e nas páginas de produtos, garantindo que não haja um gap entre a expectativa do cliente e a realidade de quando ele é entregue.
  • Gestão: a partir dos feedbacks coletados com o time de atendimento ao cliente, pode ser necessário fazer a negociação com novos fornecedores para as peças, visando garantir uma melhor qualidade dos itens.
  • Logística: garantir a qualidade na entrega dos produtos, com uma embalagem que não danifique as peças enviadas.

Vale lembrar que uma meta menor deve ser criada para cada um desses times cumprirem a sua parte da meta global. As OKRs, que são uma outra metodologia de gestão, podem ajudar a fazer essa divisão em micro-objetivos.

R - Está claro que a meta foi criada a partir de um problema com grande impacto na rentabilidade do negócio e na satisfação do consumidor final.

T - Prazo de seis meses para o objetivo geral ser conquistado.

Qual a importância de trabalhar com metas no e-commerce?

Seja em âmbito pessoal ou profissional, crescimento e sucesso são norteados por objetivos claros. No e-commerce não é diferente.

Por isso, se o seu empreendimento está estagnado ou se você deseja alcançar novos e ambiciosos sonhos, a definição de metas e meios para alcançá-los com a metodologia SMART vai te ajudar!

Se ainda não sabe quais objetivos deveria traçar ou quais pontos de melhoria poderia colocar em prática no seu e-commerce, confira o artigo: 10 KPIs de e-commerce para mensurar os seus resultados.

Como ter bons resultados com as metas SMART?

Depois de traçar suas metas e quem, quando e como elas serão alcançadas, ainda é preciso dedicar esforços para que essa estratégia não se perca no caminho. Por isso, é importante colocar em prática também estas dicas.

1. Motive a sua equipe

O sucesso de qualquer meta depende do empenho dos responsáveis por ela. Por isso, tente criar em conjunto com a própria área as metas que competem aos profissionais.

Dessa forma, elas serão muito mais assertivas para a realidade da equipe e, com o envolvimento dos profissionais, as chances deles se motivarem e se dedicarem em prol do objetivo são maiores.

Bonificações e reconhecimento profissional também são bem-vindos para engajar o time.

2. Monitore

Como alcançar uma meta se você não acompanhá-la constantemente? Coloque na sua rotina, e de toda a equipe, momentos periódicos para revisitar a meta, seu progresso e, quando necessário, discutir planos de ação para conseguir garantir o sucesso dos objetivos estabelecidos.

3. Incentive a transparência e o reconhecimento

As metas foram batidas? Reconheça os envolvidos nesses esforços. Mas, se não forem alcançadas, também é importante ter transparência em relação a isso com toda a equipe e buscar entender quais foram os impeditivos para o sucesso da empreitada para revisá-la da melhor maneira possível em um próximo ciclo.

Por fim, vale ressaltar que a definição de metas deve ser um processo contínuo. Uma empresa deve sempre buscar potencializar seus resultados.

Para isso, é fundamental se orientar por meio de metas SMART, garantindo a motivação dos colaboradores e o constante crescimento do negócio.

O método SMART pode ser aplicado em vários setores de um empreendimento, como vendas, logística, financeiro e marketing.

Quer continuar aprofundando os seus conhecimentos para garantir o sucesso da sua loja virtual? Leia também: 17 livros de empreendedorismo para potencializar seu negócio.

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

17, janeiro, 2022

Como anunciar no Instagram Ads: passo a passo para sua loja

Confira nosso guia completo de como anunciar no Instagram Ads e aprenda a aumentar o alcance do seu negócio com essa ferramenta!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

14, janeiro, 2022

O que vender na internet? Confira 10 ideias para 2022

Quer empreender no mundo online, mas ainda não sabe o que vender na internet? Reunimos os principais dados e tendências do mercado para você se inspirar.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

13, janeiro, 2022

Funil de vendas para e-commerce: saiba como fazer!

As empresas que estão voltadas para garantir a presença no ambiente virtual precisam entender a importância do funil de vendas para e-commerce. Confira!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo