7 dicas para encontrar os melhores fornecedores para sua loja virtual

E-commerce

1 de março de 2021 (atualizado em 20 de abril de 2022)

Contar com bons fornecedores é essencial para a operação de qualquer e-commerce. Afinal, os parceiros do seu negócio influenciam diretamente na qualidade dos seus produtos, na experiência dos consumidores e, até mesmo, na percepção da sua marca.

Se você selecionar mal os fornecedores para sua loja virtual, pode ter que arcar com custos extras, sofrer com a falta de produtos em datas relevantes do varejo e receber avaliações negativas online. Por isso, é muito importante encontrar parceiros qualificados e confiáveis.

O primeiro passo para encontrar os melhores fornecedores para e-commerce é preparar um checklist para entender quais são as reais necessidades do seu negócio no momento.

Responda a perguntas-chave, que te ajudarão a saber pelo o que você está buscando, como:

  • Quais produtos você precisa?
  • Qual é a quantidade?
  • Quando precisa dos itens?
  • Qual é o orçamento para investir em estoque?
  • Você tem espaço físico para ter um estoque?
  • Você trabalha com pronta-entrega ou encomenda?

Com essas questões respondidas, você já pode iniciar sua busca por fornecedores. Sabemos que esse processo pode ser desafiador.

Pensando nisso, listamos 7 dicas práticas para você aprender como encontrar fornecedores para sua loja virtual. Confira!

1. Faça pesquisas online

A internet é um ótimo lugar para iniciar a sua busca por fornecedores para loja virtual. Você pode pesquisar no Google por diferentes termos relacionados ao seu segmento e começar a mapear suas possibilidades.

Porém, é preciso dedicar tempo para fazer uma pesquisa aprofundada. Não adianta ter pressa e considerar apenas os primeiros resultados do Google. Uma boa prática é utilizar diferentes combinações de palavras-chave, para ampliar a sua busca e encontrar mais opções.

Se você vende roupas online, por exemplo, além de procurar por “fornecedores para e-commerce de roupas” e “fornecedores de roupas”, pode buscar também por termos como “distribuidores”, “confecções”, “revendedores” e “atacadistas”.

Também é importante utilizar ferramentas online para verificar a credibilidade dos seus potenciais fornecedores. Procure avaliações e possíveis reclamações de outros clientes no Google, nas redes sociais e em sites especializados.

Assim, você evita parceiros que não sejam confiáveis e que não estejam alinhados aos valores da sua marca.

2. Peça indicações para outros empreendedores

Uma ótima forma para conseguir bons fornecedores é pedir referências de outros empreendedores do seu segmento. Portanto, invista no relacionamento com os profissionais da sua área de atuação e troque conhecimentos e indicações com eles.

A partir da experiência desses empresários, você pode encontrar novas formas de buscar fornecedores para e-commerce, evitar aqueles que não têm uma boa reputação e focar em parceiros de qualidade para o seu negócio.

Um ponto de atenção é não perguntar sobre os preços e as condições específicas que seus colegas estão conseguindo. Isso pode parecer uma estratégia para passá-los para trás na concorrência, prejudicando o seu relacionamento profissional com outros lojistas do setor.

3. Participe de eventos do setor

Eventos do seu segmento, como palestras, feiras, cursos e workshops, são uma excelente oportunidade para ampliar o seu networking e aproximar-se de outros empreendedores do setor, compartilhando experiências e indicações.

Além disso, esses eventos permitem que você conheça possíveis parceiros para o seu negócio. Grandes congressos, por exemplo, geralmente contam com estandes de diversificados fornecedores, onde você pode saber mais sobre seus produtos e modelos de negócio.

Atualmente, até mesmo grandes eventos online contam com stands virtuais de seus patrocinadores, onde é possível conhecer e avaliar potenciais fornecedores para a sua loja.

Dessa forma, participar desses encontros, seja de forma presencial ou online, é uma ótima forma de se manter atualizado sobre o seu nicho de mercado, fazer novos contatos profissionais e, ainda, achar fornecedores para o seu negócio.

4. Busque fornecedores locais

Com a internet, é possível se conectar com fornecedores para e-commerce de todo o mundo. Porém, buscar parceiros que atuem na sua cidade, estado ou região pode ser vantajoso para o seu e-commerce.

Ao trabalhar com fornecedores locais, que estão próximos fisicamente do seu estoque, é possível negociar melhores prazos e condições de pagamento, reduzindo seus custos com logística e agilizando a entrega das suas mercadorias.

Além disso, a proximidade geográfica facilita a comunicação e a resolução de eventuais problemas, contribuindo para o bom relacionamento da sua loja com os parceiros — o que é fundamental para garantir a saúde da sua operação e possibilitar negociações no futuro.

5. Entre em contato com o fabricante

Se você pretende vender produtos de uma marca específica, você pode entrar em contato diretamente com o fabricante para encontrar fornecedores de suas mercadorias.

Os fabricantes geralmente têm uma lista de empresas que distribuem seus produtos no atacado. Por isso, se você quiser vender produtos de uma determinada marca de cosméticos, por exemplo, é só contactar o fabricante e ele poderá compartilhar os contatos da sua rede de distribuição.

Isso facilita a sua busca pelos fornecedores da marca que deseja vender e ajuda a ampliar a presença dos produtos do fabricante no mercado, sendo vantajoso para ambas as partes.

6. Encontre polos de vendas

Alguns segmentos do varejo, como roupas, bijuterias e eletrônicos, são conhecidos por terem polos de vendas específicos, onde podem ser encontrados uma variedade de produtos a atacado.

É possível visitar pessoalmente esses locais para encontrar diferentes opções de fornecedores. Entretanto, hoje em dia, muitas dessas lojas já têm seus próprios e-commerces, sendo possível fazer suas compras diretamente na internet.

Também existem marketplaces especializados em vendas a atacado. Portanto, vale novamente fazer pesquisas online para encontrar sites destinados ao seu segmento e avaliar as possibilidades.

7. Pesquise os parceiros da concorrência

Uma boa dica para descobrir os melhores fornecedores para e-commerce é pesquisar quem são os parceiros da sua concorrência. Criar uma lista de quem são esses fornecedores pode te dar uma noção sobre a sua escolha.

Caso os clientes de seus concorrentes reclamem de atraso nas entregas e também de má qualidade do produto, você pode saber que esses fornecedores não são os melhores para ter uma parceria de negócio.

Bônus: realizando a gestão de fornecedores

Como escolher os melhores fornecedores?

Por fim, após fazer uma lista com as suas opções de fornecedores, é hora de escolher os mais adequados para o seu negócio. Entre em contato com cada um, conheça melhor seus produtos, sua capacidade de produção e suas condições, e solicite amostras das mercadorias.

Avalie também os preços, as formas de pagamento, os prazos de entrega e a quantidade mínima de itens para os pedidos. Além disso, lembre-se da importância de buscar avaliações das empresas na internet e com outros empreendedores do setor.

A partir do levantamento de todas essas informações, será possível comparar suas opções e escolher os melhores fornecedores para o seu e-commerce, que sejam de confiança e alinhados aos objetivos e valores da sua marca.

Vale destacar que é recomendável contar com mais de um parceiro, de modo a não depender de um único fornecedor. Dessa forma, se acontecer algum problema ou imprevisto com um deles, a sua operação não será prejudicada.

Como negociar com seus fornecedores?

Agora que você já sabe como escolher os melhores fornecedores para sua loja virtual, é hora de dar um passo importante: saber como negociar os melhores termos para ambos os lados. Para isso, é necessário entender sobre o mercado e também demonstrar autoridade.

Realizar uma pesquisa de mercado irá te ajudar a estabelecer preços competitivos e compatíveis com o seu nicho de atuação. Assim, é mais fácil negociar com os fornecedores do seu e-commerce.

Outra dica é mostrar credibilidade e profissionalismo ao entrar em contato com esses distribuidores, para que saibam que trabalhando com você terão uma parceria de sucesso.

Como gerenciar seus fornecedores?

Procurar por fornecedores para sua loja virtual já é um grande passo, porém o trabalho não acaba no momento em que você define quem serão os seus parceiros. É necessário saber gerenciar esse vínculo para que se mantenha saudável e produtivo para os dois lados.

Sendo assim, é fundamental manter um relacionamento transparente, buscar negociações amigáveis e estar sempre em dia com seus pagamentos. Em uma boa parceria de negócio com fornecedores devemos cobrar qualidade e confiança, mas também oferecer o mesmo.

Encontrar fornecedores para a sua loja virtual pode ser um processo desafiador. Mas, seguindo as nossas dicas, é possível conseguir os parceiros certos para o seu negócio, garantindo a qualidade dos seus produtos e oferecendo uma experiência positiva para os seus clientes.

Se você gostou do nosso conteúdo, confira também 3 formas para entregar produtos vendidos pela internet!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

24, maio, 2022

GMV: o que é e como acompanhar essa métrica?

GMV é uma sigla para Gross Merchandise Volume, ou Volume Bruto de Mercadoria, em português. Entenda como analisar esse indicador!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

23, maio, 2022

O que é giro de estoque e como calcular esse indicador?

Explicamos o que é giro de estoque e como calcular essa métrica para você controlar de perto a rotatividade de mercadorias no seu negócio.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

20, maio, 2022

Como vender nas redes sociais: 10 dicas para seu negócio

Quer saber como vender nas redes sociais? Confira as principais estratégias para realizar vendas em canais como Instagram, Facebook e WhatsApp!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

7 dicas para encontrar os melhores fornecedores para sua loja virtual

E-commerce

1 de março de 2021 (atualizado em 20 de abril de 2022)

Contar com bons fornecedores é essencial para a operação de qualquer e-commerce. Afinal, os parceiros do seu negócio influenciam diretamente na qualidade dos seus produtos, na experiência dos consumidores e, até mesmo, na percepção da sua marca.

Se você selecionar mal os fornecedores para sua loja virtual, pode ter que arcar com custos extras, sofrer com a falta de produtos em datas relevantes do varejo e receber avaliações negativas online. Por isso, é muito importante encontrar parceiros qualificados e confiáveis.

O primeiro passo para encontrar os melhores fornecedores para e-commerce é preparar um checklist para entender quais são as reais necessidades do seu negócio no momento.

Responda a perguntas-chave, que te ajudarão a saber pelo o que você está buscando, como:

  • Quais produtos você precisa?
  • Qual é a quantidade?
  • Quando precisa dos itens?
  • Qual é o orçamento para investir em estoque?
  • Você tem espaço físico para ter um estoque?
  • Você trabalha com pronta-entrega ou encomenda?

Com essas questões respondidas, você já pode iniciar sua busca por fornecedores. Sabemos que esse processo pode ser desafiador.

Pensando nisso, listamos 7 dicas práticas para você aprender como encontrar fornecedores para sua loja virtual. Confira!

1. Faça pesquisas online

A internet é um ótimo lugar para iniciar a sua busca por fornecedores para loja virtual. Você pode pesquisar no Google por diferentes termos relacionados ao seu segmento e começar a mapear suas possibilidades.

Porém, é preciso dedicar tempo para fazer uma pesquisa aprofundada. Não adianta ter pressa e considerar apenas os primeiros resultados do Google. Uma boa prática é utilizar diferentes combinações de palavras-chave, para ampliar a sua busca e encontrar mais opções.

Se você vende roupas online, por exemplo, além de procurar por “fornecedores para e-commerce de roupas” e “fornecedores de roupas”, pode buscar também por termos como “distribuidores”, “confecções”, “revendedores” e “atacadistas”.

Também é importante utilizar ferramentas online para verificar a credibilidade dos seus potenciais fornecedores. Procure avaliações e possíveis reclamações de outros clientes no Google, nas redes sociais e em sites especializados.

Assim, você evita parceiros que não sejam confiáveis e que não estejam alinhados aos valores da sua marca.

2. Peça indicações para outros empreendedores

Uma ótima forma para conseguir bons fornecedores é pedir referências de outros empreendedores do seu segmento. Portanto, invista no relacionamento com os profissionais da sua área de atuação e troque conhecimentos e indicações com eles.

A partir da experiência desses empresários, você pode encontrar novas formas de buscar fornecedores para e-commerce, evitar aqueles que não têm uma boa reputação e focar em parceiros de qualidade para o seu negócio.

Um ponto de atenção é não perguntar sobre os preços e as condições específicas que seus colegas estão conseguindo. Isso pode parecer uma estratégia para passá-los para trás na concorrência, prejudicando o seu relacionamento profissional com outros lojistas do setor.

3. Participe de eventos do setor

Eventos do seu segmento, como palestras, feiras, cursos e workshops, são uma excelente oportunidade para ampliar o seu networking e aproximar-se de outros empreendedores do setor, compartilhando experiências e indicações.

Além disso, esses eventos permitem que você conheça possíveis parceiros para o seu negócio. Grandes congressos, por exemplo, geralmente contam com estandes de diversificados fornecedores, onde você pode saber mais sobre seus produtos e modelos de negócio.

Atualmente, até mesmo grandes eventos online contam com stands virtuais de seus patrocinadores, onde é possível conhecer e avaliar potenciais fornecedores para a sua loja.

Dessa forma, participar desses encontros, seja de forma presencial ou online, é uma ótima forma de se manter atualizado sobre o seu nicho de mercado, fazer novos contatos profissionais e, ainda, achar fornecedores para o seu negócio.

4. Busque fornecedores locais

Com a internet, é possível se conectar com fornecedores para e-commerce de todo o mundo. Porém, buscar parceiros que atuem na sua cidade, estado ou região pode ser vantajoso para o seu e-commerce.

Ao trabalhar com fornecedores locais, que estão próximos fisicamente do seu estoque, é possível negociar melhores prazos e condições de pagamento, reduzindo seus custos com logística e agilizando a entrega das suas mercadorias.

Além disso, a proximidade geográfica facilita a comunicação e a resolução de eventuais problemas, contribuindo para o bom relacionamento da sua loja com os parceiros — o que é fundamental para garantir a saúde da sua operação e possibilitar negociações no futuro.

5. Entre em contato com o fabricante

Se você pretende vender produtos de uma marca específica, você pode entrar em contato diretamente com o fabricante para encontrar fornecedores de suas mercadorias.

Os fabricantes geralmente têm uma lista de empresas que distribuem seus produtos no atacado. Por isso, se você quiser vender produtos de uma determinada marca de cosméticos, por exemplo, é só contactar o fabricante e ele poderá compartilhar os contatos da sua rede de distribuição.

Isso facilita a sua busca pelos fornecedores da marca que deseja vender e ajuda a ampliar a presença dos produtos do fabricante no mercado, sendo vantajoso para ambas as partes.

6. Encontre polos de vendas

Alguns segmentos do varejo, como roupas, bijuterias e eletrônicos, são conhecidos por terem polos de vendas específicos, onde podem ser encontrados uma variedade de produtos a atacado.

É possível visitar pessoalmente esses locais para encontrar diferentes opções de fornecedores. Entretanto, hoje em dia, muitas dessas lojas já têm seus próprios e-commerces, sendo possível fazer suas compras diretamente na internet.

Também existem marketplaces especializados em vendas a atacado. Portanto, vale novamente fazer pesquisas online para encontrar sites destinados ao seu segmento e avaliar as possibilidades.

7. Pesquise os parceiros da concorrência

Uma boa dica para descobrir os melhores fornecedores para e-commerce é pesquisar quem são os parceiros da sua concorrência. Criar uma lista de quem são esses fornecedores pode te dar uma noção sobre a sua escolha.

Caso os clientes de seus concorrentes reclamem de atraso nas entregas e também de má qualidade do produto, você pode saber que esses fornecedores não são os melhores para ter uma parceria de negócio.

Bônus: realizando a gestão de fornecedores

Como escolher os melhores fornecedores?

Por fim, após fazer uma lista com as suas opções de fornecedores, é hora de escolher os mais adequados para o seu negócio. Entre em contato com cada um, conheça melhor seus produtos, sua capacidade de produção e suas condições, e solicite amostras das mercadorias.

Avalie também os preços, as formas de pagamento, os prazos de entrega e a quantidade mínima de itens para os pedidos. Além disso, lembre-se da importância de buscar avaliações das empresas na internet e com outros empreendedores do setor.

A partir do levantamento de todas essas informações, será possível comparar suas opções e escolher os melhores fornecedores para o seu e-commerce, que sejam de confiança e alinhados aos objetivos e valores da sua marca.

Vale destacar que é recomendável contar com mais de um parceiro, de modo a não depender de um único fornecedor. Dessa forma, se acontecer algum problema ou imprevisto com um deles, a sua operação não será prejudicada.

Como negociar com seus fornecedores?

Agora que você já sabe como escolher os melhores fornecedores para sua loja virtual, é hora de dar um passo importante: saber como negociar os melhores termos para ambos os lados. Para isso, é necessário entender sobre o mercado e também demonstrar autoridade.

Realizar uma pesquisa de mercado irá te ajudar a estabelecer preços competitivos e compatíveis com o seu nicho de atuação. Assim, é mais fácil negociar com os fornecedores do seu e-commerce.

Outra dica é mostrar credibilidade e profissionalismo ao entrar em contato com esses distribuidores, para que saibam que trabalhando com você terão uma parceria de sucesso.

Como gerenciar seus fornecedores?

Procurar por fornecedores para sua loja virtual já é um grande passo, porém o trabalho não acaba no momento em que você define quem serão os seus parceiros. É necessário saber gerenciar esse vínculo para que se mantenha saudável e produtivo para os dois lados.

Sendo assim, é fundamental manter um relacionamento transparente, buscar negociações amigáveis e estar sempre em dia com seus pagamentos. Em uma boa parceria de negócio com fornecedores devemos cobrar qualidade e confiança, mas também oferecer o mesmo.

Encontrar fornecedores para a sua loja virtual pode ser um processo desafiador. Mas, seguindo as nossas dicas, é possível conseguir os parceiros certos para o seu negócio, garantindo a qualidade dos seus produtos e oferecendo uma experiência positiva para os seus clientes.

Se você gostou do nosso conteúdo, confira também 3 formas para entregar produtos vendidos pela internet!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

24, maio, 2022

GMV: o que é e como acompanhar essa métrica?

GMV é uma sigla para Gross Merchandise Volume, ou Volume Bruto de Mercadoria, em português. Entenda como analisar esse indicador!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

23, maio, 2022

O que é giro de estoque e como calcular esse indicador?

Explicamos o que é giro de estoque e como calcular essa métrica para você controlar de perto a rotatividade de mercadorias no seu negócio.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

20, maio, 2022

Como vender nas redes sociais: 10 dicas para seu negócio

Quer saber como vender nas redes sociais? Confira as principais estratégias para realizar vendas em canais como Instagram, Facebook e WhatsApp!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo