Mercado de infoprodutos: como o Instituto Neurosaber alcançou 100 mil alunos com o Pagar.me e a Digital Manager Guru

E-commerce

17 de agosto de 2023

O Instituto Neurosaber tem a missão de melhorar a educação do Brasil e é por meio do mercado de infoprodutos que consegue realizar esse feito, chegando em todos os cantos do país de forma digital.

Sua excelência e sucesso se traduzem em números: entre 2019 e 2023, a instituição saltou de 20 mil alunos para cerca de 100 mil.

Para operacionalizar tudo isso, a empresa conta com uma infraestrutura tecnológica eficiente e tem como parceiros de negócio o Pagar.me e a Digital Manager Guru.

Conheça a seguir o case da Neurosaber no mercado de infoprodutos!

Como nasceu o Instituto Neurosaber

A psicopedagoga e psicomotricista Luciana Brites enxergava uma necessidade de democratizar conhecimentos científicos sobre aprendizagem, comportamento e neurodesenvolvimento da infância e da adolescência, por meio de uma linguagem mais acessível.

A partir disso, fundou em 2014 o Instituto Neurosaber, com o objetivo de compartilhar conhecimento no ambiente digital para capacitar profissionais da educação e desenvolvimento infantil e também os pais.

A essa altura, o Instituto Neurosaber era um projeto que começava a sair do papel em uma fanpage no Facebook, com lives e conteúdos produzidos pela própria Luciana e seu esposo, Clay Brites, médico pediatra e neurologista infantil.

A página no Neurosaber no Facebook foi ganhando relevância e chegou à marca de 100 mil fãs engajados com as publicações. Então, o passo seguinte dado por Luciana foi a criação do canal do YouTube, em 2015, que em menos de dois meses conquistou 10 mil inscritos.

Profissionalizando o negócio

O sucesso e a relevância do Instituto Neurosaber ficaram claros para a sua fundadora quando o canal do YouTube teve um crescimento exponencial em tão pouco tempo.

O próximo passo foi tornar o Instituto Neurosaber um empreendimento do mercado de infoprodutos. Dessa forma, ainda em 2015, foram criados e lançados quatro cursos online distribuídos de forma digital.

Estratégia de negócio do Instituto Neurosaber

“Um dos lemas da empresa é que a gente não cria produtos, a gente resolve problemas”, destaca a fundadora e CEO do Instituto Neurosaber, Luciana Brites.

Então, para lançar um curso no mercado, a instituição tem o foco em desenvolver um material resolutivo, que faça a diferença na vida dos pais e profissionais da educação e desenvolvimento infantil que enfrentam desafios diários em busca da inclusão de crianças e adolescentes.

Além do conteúdo científico de alto nível como carro-chefe do negócio, o Instituto Neurosaber investe em outro aspecto do negócio: tecnologia para escalar a distribuição de seus cursos.

Infraestrutura para o crescimento da empresa

Em 2019, a empresa passou por um programa de aceleração de negócios de impacto social. A partir disso, o Instituto Neurosaber começou a se profissionalizar, e rever a estrutura tecnológica se tornou uma prioridade para garantir melhor performance e entrega para os alunos.

Até esse momento, a empresa fazia uso de plataformas terceiras para hospedagem de infoprodutos. No entanto, as taxas de processamento eram muito altas, sobretudo em pagamentos parcelados, comprometendo a margem de lucro do negócio.

Levando em consideração que os cursos de valor mais elevado normalmente são parcelados pelos alunos, esse era um fator limitante para o crescimento do negócio, fazendo Luciana buscar novas soluções.

Em meio a essa busca, em 2019, o Instituto Neurosaber migrou suas operações para a plataforma de checkout e gestão da Digital Manager Guru e, para viabilizar as transações com segurança e melhores taxas, usa o Pagar.me trabalhando com cartão de crédito, boleto e Pix como formas de pagamento.

Além de taxas mais saudáveis para o modelo de negócio, essa migração garantiu maior robustez para o Instituto Neurosaber, graças a ferramentas personalizadas que melhoram a sua operação.

Esse é o caso do checkout, da possibilidade de tagueamento — para entender o caminho percorrido pelo usuário até adquirir um curso — e da integração com ferramentas como a área do aluno.

O atendimento próximo e consultivo, tanto do Pagar.me quanto da Guru, também faz diferença para a empresa, sobretudo durante lançamentos dos cursos, que acontecem muitas vezes ao longo do ano.

“Percebemos uma disponibilidade muito rápida em resolver qualquer problema ou dúvida e também em ajudar a evoluir o nosso negócio”, destaca Luciana.

Ampliação do modelo de negócio do Neurosaber

O desenvolvimento da empresa e a mudança de infraestrutura tecnológica permitiram que o Instituto Neurosaber expandisse as suas frentes de atuação.

Agora, além dos cursos, a empresa conta com a Editora Neurosaber, fundada em 2019, com foco no lançamento de livros físicos, e a NeuroEscola, para formação de instituições de estados, municípios e escolas particulares.

Essa expansão refletiu na estrutura física da empresa, que passou de uma sala de 35 m², em 2019, para um escritório de 1.200 m², este ano. Além disso, o Neurosaber atingiu em 2023 a marca dos 100 mil alunos.

Um futuro de sucesso democratizando a ciência no Brasil

Nos planos para o futuro estão uma linha de brinquedos educativos desenvolvidos pela própria Luciana Brides, vendidos via e-commerce, e a oferta de um curso de pós-graduação em pedagogia, que já está em processo de credenciamento no MEC.

Tudo isso, claro, sem abrir mão do core do Instituto Neurosaber, que é continuar desenvolvendo infoprodutos para os mercados B2C, B2B e B2G, contando sempre com as soluções do Pagar.me e da Digital Manager Guru para suportar suas operações.

Quer saber como o Pagar.me também pode ajudar a escalar o seu negócio digital? Entre em contato com o nosso time para conhecer a nossa tecnologia!


Cadastre-se no Pagar.me!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

22, fevereiro, 2024

Como fazer live no Instagram? Passo a passo + 5 dicas

Aprenda o passo a passo de como fazer live no Instagram e confira dicas para fazer uma transmissão que gere vendas para a sua loja!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

20, fevereiro, 2024

Estoque máximo: o que é e como calcular o indicador?

Este conteúdo vai te ensinar como calcular o estoque máximo para mensurar o volume total de produtos que podem ser armazenados no seu negócio. Confira!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

19, fevereiro, 2024

Pagamento recusado: motivos para acontecer e como resolver

Ter um pagamento recusado pode ser um grande problema para a conversão de vendas online. Entenda os motivos para essa situação e como lidar com ela!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo