Natal 2020: 7 previsões de consumo para o fim de ano

E-commerce

11 de dezembro de 2020

Dezembro já se encaminha para o fechamento da primeira quinzena e os consumidores e lojistas só têm em mente uma data: o Natal 2020.

O feriado santo, que é um dos mais queridos pelas pessoas e uma época aquecida no varejo, promete ganhar ainda mais relevância em termos de volume de vendas no comércio digital.

Afinal de contas, se em tempos normais as vendas de Natal já tinham grande importância para o e-commerce, em cenário de pandemia e isolamento social, o protagonismo das vendas online deve ser ainda mais evidente.

Além disso, é importante entender que a Black Friday não “engoliu” o Natal. Na verdade, as duas datas comemorativas passaram a formar uma única temporada de alta nas vendas, sobretudo no varejo digital.

Portanto, você que pretende lucrar no e-commerce com as vendas de Natal, confira as previsões de mercado para o fim de ano e prepare o seu negócio!

1. Vendas no Natal devem movimentar R$ 38 bilhões na economia

O Natal ainda tem grande papel na movimentação na Economia, embora a previsão seja de impacto menor que em 2019. De acordo com a pesquisa feita em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), estima-se que 86 milhões de pessoas devam ir às compras, movimentando cerca de R$ 38,8 bilhões no setor de comércio e serviços.

O valor representa uma redução significativa frente à sondagem do último ano, quando a estimativa era de que fossem movimentados aproximadamente R$ 60 bilhões.

Para aqueles que não pretendem presentear este ano, a principal justificativa é o fato de estarem desempregados (24%) e não terem dinheiro (22%).

Com o avanço da pandemia, os consumidores mudaram rapidamente seus hábitos de compras. Muitos, por exemplo, tiveram a primeira experiência no e-commerce.

E é justamente no e-commerce que as vendas devem ser mais expressivas no Natal 2020, mesmo com a retração da previsão de movimento na economia de maneira geral.

2. 47% dos brasileiros planejam comprar presentes de Natal pela internet

Em 2020, sem sombra de dúvidas, os hábitos de consumo dos brasileiros passaram por mudanças significativas.

As compras digitais devem ganhar força no Natal, afinal, essa é a melhor forma das pessoas adquirirem presentes sem a necessidade de contato físico ou de sair de casa, no cenário de pandemia e de isolamento social.

Ainda de acordo com a pesquisa da CNDL, 47% dos brasileiros pretendem comprar os presentes de Natal pela internet este ano.

Isso prova que, mesmo quem tinha receio de comprar online, viu na modalidade uma alternativa de presentear sem deixar a data passar em branco.

3. 75% dos consumidores devem preferir comprar de lojas varejistas nacionais

De acordo com os entrevistados pela CNDL que farão compras online, os canais da internet preferidos são os sites (78%), principalmente os de lojas varejistas nacionais (75%).

Portanto, você, pequeno ou médio empreendedor digital, está em vantagem quando se trata da preferência do público nas compras de Natal. Os varejistas internacionais estão em segundo plano nas intenções de compra natalinas em 2020.

Além dos sites, os entrevistados citaram os aplicativos (63%), Instagram (19%), Whatsapp (18%) e Facebook (14%) como canais que devem ser usados para as compras de fim de ano.

Portanto, se você não tem uma operação de e-commerce bem estruturada, o momento é oportuno para vender online, mesmo sem site - basta estruturar sua estratégia de vendas pelas redes sociais.

Aqui no Pagar.me, nós escrevemos um artigo especial para te mostrar que dá para vender online (e muito bem) sem ter site. Confira!

4. Embora 40% das pessoas tenham sofrido com a redução de ganhos devido à pandemia, 87% devem ir às compras no Natal

A Rakuten Advertising lançou a pesquisa “O Caminho para a Retomada: os Picos de Venda para 2020 Repensados”.

O levantamento global mostrou o que os consumidores planejam para o “Golden Quarter” – ou seja, o último trimestre do ano, período de maior expectativa de vendas para o comércio, quando acontecem eventos como a Black Friday e o Natal.

Os dados apontam que, globalmente, embora 40% das pessoas tenham sofrido com a redução de ganhos devido à Covid-19, 87% devem ir às compras no Natal.

Portanto, mesmo que o poder de compra das pessoas tenha diminuído, elas não querem deixar o feriado mais especial do ano passar em branco, mesmo que tenham que deixar para depois os presentes grandiosos e optar por “lembrancinhas”.

Dessa forma, para conquistar o público que deseja presentear, invista em kits, promoções e descontos progressivos na sua loja!

5. É provável que 33% dos brasileiros aumentem os gastos para presentear sua família de primeiro grau

O mesmo estudo da Rakuten Advertising aponta que é mais provável que os brasileiros aumentem os gastos ao comprar para sua família de primeiro grau (33%) e diminuam os gastos com amigos (57%).

O cenário de pandemia e isolamento social pode explicar essa tendência de consumo, visto que os laços afetivos estão fortalecidos com a família direta (que, muitas vezes, está isolada no mesmo lar) e os encontros com amigos foram reduzidos, impactando também as comemorações coletivas, como os amigos-secretos.

Já de acordo com o levantamento da CNDL, os mais lembrados na hora de presentear serão:

  • os filhos/filhas (59%);
  • o cônjuge (45%);
  • e as mães (45%);

Sendo que o presente mais caro será destinado aos filhos/filhas (27%).

Entre os entrevistados, 25% pretendem comprar até dois presentes, e 33% entre três e quatro presentes. Os produtos mais buscados por quem vai presentear são:

  • roupas (57%);
  • brinquedos em geral (38%);
  • perfumes e outros cosméticos (31%);
  • e calçados (31%).

O ticket médio – ou seja, o valor a ser investido pelo consumidor em cada presente – será de R$ 108,78.

6. 50% dos consumidores devem ser influenciados a comprar por cupons e cashbacks

Assim como na Black Friday, os cupons e o cashback serão chamarizes interessantes para conquistar vendas na sua loja.

Novamente de acordo com a pesquisa da Rakuten Advertising, entre os aspectos mais relevantes para a decisão de compra dos brasileiros estão os cupons de desconto e a oferta de cashbacks (50%), além do frete grátis (43%).

Portanto, que tal investir nessas estratégias de convencimento para a sua loja vender muito mais no Natal? Aqui vão algumas ideias:

  • Cupons no Instagram: todos os dias, você pode oferecer nos Stories cupons, de 10%, 15% ou 20% em produtos ou categorias selecionadas do seu site;
  • Cashback: é um tipo de programa de fidelidade que gratifica o consumidor com uma porcentagem do valor da compra de volta, para usar em compras futuras. É muito útil para fidelizar clientes!
  • Frete grátis: ofereça de acordo com diversos critérios, como compras acima de um determinado valor, somente para algumas regiões, apenas para produtos de uma categoria ou para um determinado tipo de entrega.

7. 44% dos consumidores querem usar o crédito para pagar as compras de Natal

A CNDL apontou que, quando se trata da forma de pagamento, 8 em cada 10 consumidores que dizem que farão compras neste Natal pretendem pagar à vista (85%), sobretudo em dinheiro (57%) e no cartão de débito (36%).

No entanto, mesmo com soberania do papel-moeda, o cartão de crédito ainda tem forte apelo entre os consumidores: 44% querem usar o crédito para pagar as compras, principalmente o cartão de crédito parcelado (37%).

Sua loja oferece boleto bancário e cartão de crédito, com ampla possibilidade de parcelamento? Se não, já passou da hora de mudar para o Pagar.me. Com um meio de pagamento completo, suas chances de faturar com as vendas de Natal são muito maiores!

O Pagar.me oferece tudo o que você precisa para vender mais: tecnologia de ponta, praticidade, estabilidade e segurança. Conheça!

O Natal está muito próximo e, mesmo em período de recessão econômica, o e-commerce tem uma grande oportunidade de se destacar. Invista em promoções, prepare o estoque, não se esqueça do marketing para fechar o ano com um caixa muito mais saudável!

E se você gostou dessas dicas, acesse sempre o blog do Pagar.me, onde você encontra novos conteúdos sobre e-commerce, pagamentos e empreendedorismo toda semana. Boas vendas!


Inscreva-se na newsletter do Pagar.me!

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

25, novembro, 2021

Como aumentar o ticket médio? 8 técnicas para seu negócio

Descobrir como aumentar o ticket médio pode ser um grande desafio. Confira as estratégias que separamos para o seu negócio!

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

23, novembro, 2021

Como atrair clientes no Instagram: 9 estratégias para sua loja

Listamos as melhores estratégias para você atrair clientes no Instagram e criar novas oportunidades de venda para sua loja.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo

22, novembro, 2021

Economia circular: o que é e qual a sua importância para o e-commerce?

A produção e o consumo desenfreado já não são mais viáveis na sociedade atual. Descubra o que é a economia circular e como aplicá-la no seu negócio.

Compartilhe esse conteúdo

  • logo
  • logo
  • logo
  • logo