Logo Pagar.meLogo Pagar.me

Quero usar o Pagar.me

Efeito de estilo

Queremos entender mais sobre seu negócio

Vamos começar

elipsePontos verdes

Guia completo de como montar uma loja virtual

E-commerce

Vender pela internet tem se tornado algo muito atrativo para os empreendedores. Isso porque os custos de manter um negócio digital são mais…

Guia completo de como montar uma loja virtual

24 de Maio de 2019

Vender pela internet tem se tornado algo muito atrativo para os empreendedores. Isso porque os custos de manter um negócio digital são mais vantajosos em comparação a uma loja física, já que não é preciso investir em espaço físico para ponto de venda, contratação e capacitação de vendedores, entre outros custos que permeiam os modelos de negócio tradicionais.

Montar uma loja virtual não exige conhecimentos muito técnicos, mas é necessário que você tenha atenção na escolha de fornecedores e soluções para que seu negócio seja bem desenvolvido.

Conheça o case de sucesso: WedyConfira agora algumas dicas que separamos para montar sua loja virtual do zero e fazer dela um sucesso de vendas.

1. Escolha a plataforma da sua loja virtual

O primeiro passo para desenvolver sua loja virtual é a escolha da plataforma ideal, que atenda as necessidades do seu negócio. Existem diversas opções no mercado, e elas são divididas em:

  • Versões gratuitas, que possuem limitações de recursos específicos;
  •  Versões pagas, com mais variedade de funcionalidades;
  • E as de código aberto, para um desenvolvimento mais complexo e personalizado.

Basta você identificar qual dessas é a ideal para o seu negócio, de acordo com a maturidade dele.

Dentre essas plataformas, existem as mais simples e fáceis de serem usadas, que são muito intuitivas e normalmente têm várias opções de personalização já pronta. Existem também plataformas mais complexas e robustas, que suportam um grande número de operações diariamente e exigem uma infraestrutura mais completa, como o Magento, que é uma solução de código aberto bastante flexível.

Após a escolha da plataforma mais adequada para sua empresa, começa o processo de desenvolvimento da loja virtual, que pode ser realizado por uma empresa parceira, ou por você mesmo.

Geralmente as plataformas mais simplificadas possuem a edição drag and drop, ou seja, você monta sua loja como quiser, clicando e arrastando, sem necessidade de conhecimentos em programação.

2. Atente-se à segurança da sua loja

Junto com a facilidade de comprar tudo virtualmente, vem também a desconfiança dos consumidores em relação à idoneidade das lojas. Por isso, é importante que sua empresa demonstre confiabilidade e segurança na troca de informações sensíveis, como números de cartão de crédito e dados pessoais.

Uma das formas de aumentar a segurança das transações digitais é implementando um certificado SSL em sua loja virtual. A função deste certificado de segurança é garantir a criptografia, ou seja, a codificação dos dados dos usuários, para que estejam protegidos em casos de ataques hackers.

Além de implementar soluções de segurança, sua loja virtual deve deixar à mostra esses selos, para que os consumidores sintam mais confiança ao comprar em seu e-commerce.

3. Escolha dos meios de pagamento

Outro fator importante na hora de criar a loja virtual é a forma de pagamento disponibilizada para os seus clientes. É preciso que sua loja conte com várias opções, como pagamento por boleto bancário, cartão de crédito, link de pagamento, além de oferecer parcelamento.

Quanto maiores são as opções de pagamento, menores são as taxas de abandono de carrinho, que hoje ficam em média de 82%, segundo relatório do E-commerce Radar.

Além disso, você deve optar por uma solução de pagamento que ofereça segurança nas transações e um relacionamento mais próximo do seu negócio, assim, eventuais problemas com o meio de pagamento podem ser resolvidos mais rapidamente, sem grandes impactos à sua loja.

4. Gestão do estoque e entregas

Com as primeiras vendas, você perceberá que é preciso manter também um planejamento e contar com ferramentas para controle e gestão do estoque. Algumas soluções são integradas com o e-commerce, e atualizam-se automaticamente após a compra, evitando erros de processos manuais e a insatisfação do cliente, caso compre algum item que na verdade não está em estoque.

Outro quesito importante é em relação às entregas, que precisam ser planejadas tanto em custo quanto em processos internos. É preciso deixar claro em sua loja o prazo, valor do frete e o fornecedor que irá realizá-las.

5. Utilize ferramentas para alavancar sua loja

Após todo o desenvolvimento da loja virtual, é preciso traçar um planejamento para alavancar as vendas. Existem várias soluções para tornar o seu negócio ainda mais visível e aumentar os lucros na nova loja virtual, como:

. Uso das redes sociais

Aposte na presença digital para aumentar a visibilidade do seu comércio, criando perfis da sua loja e compartilhando conteúdo relevante e promoções exclusivas. Não foque apenas na produção de materiais promocionais, mas também em disseminar conteúdos que agreguem aos seus clientes, assim eles sempre acompanharão os seus perfis.

· Estratégias de e-mail marketing

Bastante usado pelos comerciantes, o e-mail marketing não morreu, e ainda rende muitos resultados para as lojas virtuais. Desenvolva ações direcionadas para seu público, com promoções e ofertas especiais, como cupons de desconto, por exemplo. Nos e-mails, você pode levar seus clientes diretamente para o link da loja, e assim aumentar a visibilidade e as vendas do seu negócio.

· Anúncios digitais

Além das formas orgânicas, que não precisam de investimento, existem as opções pagas para gerar tráfego em sua loja online. Entre elas, estão os anúncios nas redes sociais, anúncios na rede de display do Google e ainda links patrocinados.

Existem diversos formatos e canais para anunciar pela internet, e eles são sempre uma boa opção para atrair um público que ainda não conhece o seu negócio, e assim, gerar ainda mais vendas.

Você viu, em nosso conteúdo, que não é difícil montar uma loja virtual para o seu negócio. Mas, para ter sucesso na execução e nas vendas, é preciso muita dedicação, estudo e estratégia.

Existem diversas opções no mercado, tanto para a escolha da plataforma ideal, como do meio de pagamento que será utilizado, e todos esses fatores devem ser muito bem analisados, e irão contribuir para o sucesso da sua loja virtual.

Mais do que criar a loja do zero, você precisa de um planejamento estratégico para alavancar cada vez mais o seu negócio e obter resultados exponenciais.

O que achou do nosso conteúdo para te ajudar a montar uma loja virtual? Aproveite e entenda agora o que você deve considerar na hora de escolher uma plataforma de pagamento online para sua loja!

aumente suas conversões com pagar.me

Compartilhe esse conteúdo

  • Logo Facebook colorido
  • Logo Linkedin colorido
  • Logo Twitter colorido
  • Logo Whatsapp Colorido

Você também vai gostar..

Checklist da Loja Virtual: o que não pode faltar no seu e-commerce

7 de Junho de 2019E-commerce

Checklist da Loja Virtual: o que não pode faltar no seu e-commerce

Segundo o estudo Webshoppers, feito pelo Ebit, o e-commerce brasileiro têm crescido muito a cada ano. Em 2017, o setor alcançou um…

Plataforma de pagamento online: o que considerar na hora de escolher uma?

22 de Abril de 2019E-commerce

Plataforma de pagamento online: o que considerar na hora de escolher uma?

Quando o assunto é escolher a plataforma de pagamento online ideal para sua loja, você consegue entender o quanto esse momento é importante…

Como o recebimento de pagamento online influencia suas vendas?

9 de Abril de 2019E-commerce

Como o recebimento de pagamento online influencia suas vendas?

Ser dono de uma loja online não é uma tarefa simples. Ainda mais dentro de um contexto no qual a experiência de compra do cliente deve ser…